Tribuna das Ilhas

domingo, 16 outubro 2016 21:33

Reações na noite eleitoral

Carlos Ferreira e Luís Garcia pelo Partido Social Democrata, Ana Luís e Lúcio Rodrigues, do Partido Socialista, são os quatro deputados com que o Faial se vai fazer representar na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Tribuna das Ilhas foi às sedes de campanha ouvir as primeiras reações dos candidatos.

Carlos Ferreira, cabeça de lista do PSD que venceu em 10 das 13 freguesias do Faial, disse “estamos satisfeitos pelo resultado eleitoral e pela forma como decorreu o ato eleitoral no dia de hoje. Os faialenses demonstraram que acreditaram nesta candidatura, uma candidatura que tinha a ambição e confiança de fazer mais e melhor pela ilha do Faial e para representar os faialenses”.

“Os resultados que os faialenses nos proporcionaram é também um resultado que nos atribui uma grande responsabilidade para fazer politica com atitude”, frisou o agora eleito deputado que lamentou “não ter chegado àqueles que consubstanciam a abstenção”.

Ana Luís, deputada do PS Faial mostrou-se feliz pelo facto do PS ter ganho a nível regional e afirmou ao Tribuna que “infelizmente no Faial não conseguimos atingir os nossos objetivos, mas foram eleitos dois deputados que vão continuar a trabalhar pela sua terra como fizeram no último mandato”.

Questionada sobre as razões desta “reviravolta”, Ana Luís afirma que “o povo é que decide com o seu voto, portanto decidiu que tinha que ser assim e nós temos que aceitar o que o povo decide”.

A sua principal prioridade assim que tome posse será “continuar a trabalhar como fiz até agora.”

O CDS-PP, apesar de não ter elegido nenhum deputado, foi a terceira força mais votada no Faial. Rui Martins afirmou que “os resultados foram francamente positivos. Conseguimos mais do que duplicar a votação anterior, no entanto não posso ficar satisfeito pelo facto do PS ter eleito um segundo deputado.”

Sobre a abstenção, que sofreu um decréscimo de 3%, Rui Martins acha que “é um sinal positivo, mas é de notar que as pessoas continuam a não ligar muito a este ato eleitoral”.

O Bloco de Esquerda, com 6.44% dos votos, foi a quarta força mais votada na noite eleitoral “os resultados eleitorais ditaram que tudo fique na mesma: dois deputados do PS, dois deputados do PSD. Eu tinha-me proposto ajudar a contribuir para uma mudança, essa mudança não aconteceu e eu, portanto, assumo isso também como uma derrota pessoal. Há, no entanto, que reconhecer que o BE teve o maior resultado de sempre aqui na ilha e isso deve-se acima de tudo ao trabalho abnegado de toda uma equipa que comigo trabalhou e que merece ser recompensada e reconhecida por esse esforço”.

Stattmiller deixou ainda uma palavra de apreço por todo o apoio que sentiu durante esta campanha e “espero agora que eles se unam em torno dos deputados que elegeram, que os apoiem, para que de facto o Faial possa ir para a frente.”

Já a CDU acabou por ser a 5 força política do Faial, facto que deixou João Decq Mota desanimado. Ao Tribuna das Ilhas referiu que “estes resultados penaliza a CDU em relação ao número de votos que obteve no último ato eleitoral.  A campanha correu bem, tivemos muito apoio dos nossos militantes, pelo que não estava à espera deste resultado. Mas o mundo não acaba hoje e certamente que a CDU terá sempre uma palavra a dizer no que diz respeito aos problemas do Faial. Não vamos baixar os braços, vamos continuar com toda a firmeza e convicção a lutar por esta ilha”.

No que diz respeito aos resultados regionais, e tendo em conta a eleição de João Corvelo nas Flores, João Decq Mota mostrou-se satisfeito e otimista.

domingo, 16 outubro 2016 21:25

PSD vence em Castelo Branco

 

O PSD venceu também o ato eleitoral em Castelo Branco, freguesia que tinha 1117 eleitores inscritos. Compareceram na urna 559.

Houve 16 votos em branco e 7 votos nulos.

O BE conquistou 22 votos, o PAN somou 3 e a CDU teve 18 votos.

O PSD somou 226 votos e o PPM teve 4 votos. O CDS contou 35 votos e o MPT teve 1 voto. O PS somou 222 votos. O PCTP teve 5 votos e o PDR não somou qualquer voto.

domingo, 16 outubro 2016 21:18

PSD vence nas Angústias

 

Na freguesia das Angústias estavam inscritos 2236 eleitores. Votaram 1021.

15 votos foram nulos e 43 foram em branco.

O BE teve 88 votos enquanto o PAN conquistou 20 votos.

A CDU contabilizou 52 votos e o PSD 421. No PPM votaram 19 pessoas, 36 votaram no CDS e 5 no MPT. O PS teve 319 votos e o PCTP teve 5 votos. O PDR não somou votos. 

domingo, 16 outubro 2016 21:13

PSD vence nos Flamengos

 

Na freguesia dos Flamengos estavam inscritos 1372 eleitores. Compareceram na mesa de voto 704. Registaram-se 4 votos nulos e 23 em branco.

O PSD teve a maioria dos votos (295). O Bloco conquistou 35 votos enquanto o PAN somou 5 votos.  A CDU conquistou 15 votos e o PPM teve 3 votos. 2 votos foram depositados no PDR e 30 no CDS-PP. Já o MPT conquistou 5 eleitores e o PS somou 284 votos. O PCTP teve 3 votos. 

domingo, 16 outubro 2016 21:12

PSD vence no Salão

 

Na freguesia do Salão votaram 175 dos 349 eleitores inscritos. Houve 4 votos nulos e 5 votos em branco.

O BE teve 5 votos e o PAN obteve 1. A CDU contou 6 votos e o PSD teve 98. PPM e PDR e ainda o MPT tiveram 1 voto cada. O CDS somou 17 votos e o PS 31. No PCTP votaram 3 pessoas. 

Pág. 42 de 58