Tribuna das Ilhas

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informa que, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), uma depressão muito cavada centrada a norte do arquipélago deverá provocar um aumento da agitação marítima e do vento, particularmente nas ilhas dos grupos Ocidental e Central.

Assim emite-se:

Grupo Ocidental

Aviso AMARELO referente a:

AGITAÇÃO MARÍTIMA

No período entre as 21H00 de segunda-feira, 27 de março, e as 03H00 de terça-feira, 28 de março.

Ondas de oeste.

Aviso AMARELO referente a:

VENTO - Rajada Máxima

No período entre as 18H00 de segunda-feira, 27 de março, e as 12H00 de terça-feira, 28 de março.

Direção de oeste.

Aviso LARANJA referente a:

AGITAÇÃO MARÍTIMA

No período entre as 03H00 e as 22H00 de terça-feira, 28 de março.

Ondas de oeste, passando a noroeste.

Grupo Central

Aviso AMARELO referente a:

AGITAÇÃO MARÍTIMA

No período entre as 06H00 e as 22H00 de terça-feira, 28 de março.

Ondas de oeste.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomenda que, entre outras, sejam tomadas as seguintes medidas de autoproteção:

Consolide telhados, portas e janelas;

Corte ou pode as árvores próximas em risco de queda, procure informação na sua autarquia;

Guarde os objetos soltos do jardim. Um objeto, mesmo que o considere leve, projetado pelo vento forte pode causar grandes prejuízos materiais e até acidentes pessoais graves;

Feche bem as janelas e persianas;

Reforce as amarrações da sua embarcação ou mude-a para local seguro;

Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas. Afaste-se de áreas baixas junto à costa;

Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos ou passeios à beira mar.

Estar atento às indicações da Proteção Civil e das Forças de Segurança. 

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informa que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu o seguinte aviso:

 

Para o Grupo Central

Aviso AMARELO referente a:

PRECIPITAÇÃO

No período entre as 14H00 e as 23H00 de segunda-feira, 11 de janeiro.

 

Aviso LARANJA referente a:

PRECIPITAÇÃO

No período entre as 23H00 de segunda-feira, 11 de janeiro, e as 09H00 de terça-feira, 12 de janeiro.

O SRPCBA recorda que o eventual impacto dos efeitos pode ser minimizado, através da adoção de comportamentos adequados, pelo que se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção:

Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento.

Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, como andaimes ou placards e outras estruturas montadas ou suspensas.

Manter limpos os sistemas de drenagem e consolidar telhados, portas e janelas.

Estar atento às informações e indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

 

O mau tempo que atingiu o arquipélago dos Açores em dezembro causou prejuízos, de acordo com o presidente do Governo Regional dos Açores, na ordem dos 65 milhões de euros, 50 milhões dos quais nos portos.

“O Governo Regional estimou em 15 milhões de euros os danos causados pelo mau tempo, excluindo portos, cuja estimativa é de que tenha um prejuízo na ordem dos 50 milhões de euros,” disse o governante.

Vasco Cordeiro falava aos jornalistas no final de uma audiência que teve com o primeiro-ministro, em Lisboa e afirmou ainda ter acordado com  António Costa um “projeto de interesse comum” relacionado com a melhoria das acessibilidades marítimas ao arquipélago que implica um “reforço de dotação de fundos comunitários” e permitirá cumprir “a solidariedade nacional, nomeadamente em alguns danos ocorridos em portos” na sequência do mau tempo.

quinta, 07 janeiro 2016 09:48

Ilhas do Grupo Central sob aviso amarelo

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) decretou aviso amarelo às cinco ilhas do grupo central do arquipélago dos Açores, a partir da madrugada de quinta-feira, devido à previsão de chuva pontualmente forte.

O aviso, o segundo menos grave de uma escala de quatro, vigora entre as 2h e as 14h locais (menos uma hora do que em Lisboa) de quinta-feira para as ilhas da Graciosa, São Jorge, Faial, Terceira e Pico.

Segundo a delegação regional do IPMA, “uma ondulação frontal está a condicionar o estado do tempo em todo o arquipélago dos Açores, prevendo-se a partir da próxima madrugada que possa ocorrer precipitação pontualmente forte nas ilhas do grupo central”.