Onde está a Bandeira Azul de Porto Pim?, questiona a CDU

0
67

A Praia de Porto Pim é a mais frequentada da Ilha do Faial e uma das mais belas praias dos Açores. É dotada de boas infra-estruturas de apoio ao visitante e o seu extenso areal permitia habitualmente conforto e descanso, principalmente durante o verão.
O areal, que possui cerca de 350 metros de extensão, é frequentemente inundado com lixo marinho que é trazido pelas correntes. Muitas vezes constatamos que quem faz a recolha desse lixo é a população e a junta de freguesia das Angústias. Apesar da Bandeira Azul, que entretanto já foi retirada, esta praia tem outras características que se têm vindo a acentuar e que provocam uma constante desvalorização da zona, das quais destacamos o mau cheiro de descargas/esgoto sentido por todos os que a frequentam, que é trazido quando está vento sul. Por diversas vezes a DRA já recebeu queixas em relação ao cheiro e lixos que aparecem naquela praia. Todos os verões esta situação acontece e os faialenses já estão quase habituados a ver a sua praia de eleição constantemente suja e sem condições balneares. Este verão o acumular de algas faz-se notar e a organização para a sua recolha foi pouca ou inexistente, o que torna quase impraticável a utilização desta zona balnear.
A Bandeira Azul, já atribuída a Porto Pim, é “um símbolo de qualidade que distingue o esforço de diversas entidades em tornar possível a coexistência do desenvolvimento local a par do respeito pelo ambiente, elevando o grau de consciencialização dos cidadãos em geral, dos decisores em particular, para a necessidade de se proteger o ambiente marinho, costeiro e lacustre”. Esta é a definição dada pela Associação Bandeira Azul da Europa. Isto está longe de ser, no momento, uma realidade.
Para a CDU Faial, no que respeita à acumulação de algas no areal do Porto Pim, é evidente a falta de coordenação e controlo que existe sobre esta zona balnear. Apontamos também falhas quanto à execução de verbas já atribuídas para melhoria da baía de Porto Pim pois tal estava contemplado no Orçamento Regional para 2020, num total de 302 mil euros, e até ao momento nada foi feito.
A Baía do Porto Pim, a sua praia e toda a zona envolvente, são marcos muito importantes do concelho da HORTA e da ilha do Faial e a sua desvalorização, fruto da inacção e da falta de interesse das entidades competentes é, para a CDU Faial, algo que merece o nosso repúdio e a nossa denúncia.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO