PCP defende mais peixe nas escolas e eliminação de taxas moderadoras

0
9

O coordenador regional do PCP, Aníbal Pires, defendeu a eliminação das taxas moderadoras no Serviço Regional de Saúde, proposta já em análise da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores (ALRAA). Paralelamente anunciou o projeto de decreto legislativo regional que tem por base o incentivo ao consumo de peixe da região nas cantinas escolares.

Segundo nota de imprensa remetida à nossa redação a proposta eliminação das taxas nos serviços de saúde encontra-se “ a tramitar” no parlamento e deve ser “discutida em breve”.  No entender dos comunistas o executivo de Vasco Cordeiro “pretende continuar a financiar o sistema à custa dos açorianos doentes e por conseguinte mais fragilizados, com taxas que são objetivamente uma dupla tributação e que acabam por ser um obstáculos inaceitável na realização do direito à saúde”, razão pela qual consideram necessário que essa realidade seja modificada.

Por sua vez, a iniciativa legislativa que pretende fomentar o número de peixe consumido nas escolas da região passa pelo reforço de “meios financeiros das escolas” por forma a que estas o possam adquirir esta base alimentar, melhorando “ a qualidade nutricional das refeições” bem como “contribuindo para a criação de hábitos alimentares saudáveis e facilitando o escoamento local de pescado e a sua valorização”.

A situação económica e social dos açorianos permanece preocupante para o PCP/Açores, tendo sido analisados os números a evolução da pobreza regional e do desempego, estes último vistos como “ardilosamente manipulados pelo Governo Regional”.

“O Governo Regional do PS tem chumbado sistematicamente as propostas do PCP para aumentar o salário mínimo regional e , por outro lado, as próprias empresas não procuram promover emprego de qualidade e contratos coletivos, forçando a redução de salários, com efeitos muito negativos no rendimento dos trabalhadores”, sublinharam em comunicado.

A nota da conferência de imprensa do partido surgiu após a reunião da direção regional do PCP/Açores, no último fim de semana de maio.

Jerónimo de Sousa visita Açores

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, vai visitar os Açores, mais concretamente as ilhas do Faial, Terceira e São Miguel. Na deslocação, de 13 a 15 de junho, o líder comunista entrará em contacto com os “problemas dos Açores” ,para tal “ouvindo a opinião e a vontade do povo açoriano”, lê-se em comunicado.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO