Aeroporto da Horta -ANA VINCI admite implementar RESA’s na própria pista

0
891

Na segunda reunião do Grupo de Trabalho destinado a avaliar a ampliação da pista do aeroporto da Horta, a representante da ANA VINCI anunciou que, não estava fora de hipótese responder ao requisito da Agência Europeia para a Segurança Aérea(EASA) – criação de RESAS´s (Runway End Safety Areas) – recorrendo a uma redução das distâncias declaradas, o que se traduz numa diminuição – efetiva -, de pista utilizável, para aterragem e descolagem das aeronaves.
O anuncio surgiu, em resposta à pergunta do coordenador do Grupo de Trabalho, no sentido de saber se aquela concessionária da infraestrutura aeroportuária faialense, já tinha algum projeto ou mesmo esboço de como pretendia implementar as RESA´s.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO