Aviões executivos – Aeroporto da Horta com significativo número de escalas

0
51

Na última semana e prolongando-se até ao final do mês, o aeroporto da Horta registou um significativo movimento na aviação de executivos.
Assim, no passado dia 22 de maio, aterraram no aeroporto faialense um Embraer 55P, proveniente de Lisboa (matrícula HBVPO), que partiu no dia 26 de maio para Lisboa, e um Hawker (BE4W) proveniente de Sevilha (matrícula OKJFA), que partiu no dia seguinte para o Porto.
No dia 23 de maio chegou um Dassault Falcon (FA7X) proveniente de Cascais (matrícula PSBFD), que partiu ontem para Lisboa.
Está ainda prevista a chegada a 30 de maio, de novo, do Dassault Falcon (FA7X), proveniente de Lisboa e a sua partida para o Rio de Janeiro no dia seguinte.
Conforme o Tribuna das Ilhas já noticiou, alguns destes movimentos relacionaram-se com o transporte de passageiros, para embarcarem em “yacths” que os aguardavam na marina da Horta, como foi o caso recente do super iate “Anawa”, propriedade do empresário brasileiro Jorge Paulo Lemann, que tem estado na nossa marina e em viagens à volta da nossa costa.
Este iate tem 62 metros de comprimento e, segundo o blogger Jorge de Souza, é o primeiro exemplar de uma série de iates construídos para desbravar os mares – daí a sua aparência um tanto incomum para um iate, lembrando mais um pequeno navio.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO