Branco diz que São João torna a desrespeitar colaboradores da Escola do Mar

0
46
DR

“O Grupo Parlamentar do PS/Açores não pode deixar de condenar a postura recorrente do Secretário Regional do Mar e das Pescas que desrespeita os trabalhadores e falta à verdade”, denuncia Tiago Branco, referindo-se às mais recentes declarações sobre o processo da Escola do Mar. “Dizer que só encontrou paredes é uma desonestidade intelectual e política, sem precedentes, de alguém que, para esconder a sua incompetência tem de culpar outros”.

Tiago Branco desmente as afirmações do governante e defende que “todo o trabalho feito, todo esforço e dedicação dos colaboradores da Escola do Mar deve ser elogiado e não denegrido”. O parlamentar eleito pela Ilha do Faial, recorda que “foram também estas pessoas que se empenharam para pôr de pé a Escola do Mar que este Governo recebeu praticamente pronta”.

“Fingir que não houve vicissitudes que atrasaram alguns processos, como o facto de parte da Escola exigir a recuperação de edifícios existentes o que dificultou o processo de construção. Querer apagar a pandemia da Covid-19, que em 2020 fez o mundo parar e, como é de todos conhecido, impediu a vinda de técnicos estrangeiros para a instalação de equipamentos. Estas omissões que o Secretário Regional do Mar e das Pescas tenta fazer de todo o processo, são inaceitáveis para quem se diz defender a transparência”, acrescenta.

Tiago Branco lamenta que, tal como fez com a Inspeção Regional das Pescas, o Secretário Regional do Mar desrespeite os trabalhadores e avisa: “Governar não é receber tudo feito e sentar-se numa secretária. Governar é continuar processos em curso, é resolver problemas e encontrar soluções. Quando este Secretário pede elogios por fazer o seu trabalho, tal como estava planeado, é preocupante”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO