Cirurgia pioneira realizada no Hospital da Horta

0
124
blank
rbt

No Hospital da Horta, na semana passada, foram realizadas duas cirurgias pioneiras, pela primeira vez nos Açores.

As cirurgias em questão, utilizadas para tratar o cancro da bexiga, são denominadas de cistoprostatectomias radicais (a remoção total da bexiga, da próstata, dos gânglios pélvicos e a construção de um canal para eliminação da urina) via laparoscópia. Através da laparoscópica, muito menos agressiva do que a cirurgia convencional, a equipa pode acompanhar o cirurgião em todos os passos, o que de outra forma não seria possível. Consiste em fazer pequenas incisões na parede abdominal do doente, por onde são inseridos os instrumentos, incluindo o laparoscópio.

De acordo com a nota de imprensa remetida pelo Hospital da Horta, as cirurgias foram executadas pelo Dr. Manuel Castanheira de Oliveira, urologista do Hospital de Santo António no Porto, e pela Dra. Soraia Rodrigues, urologista residente do Hospital da Horta. De acordo com os cirurgiões, “esta é uma cirurgia de elevado nível de complexidade, com um potencial de complicações alto, mas que se traduz num pós-operatório mais favorável para o utente.”

“Para esta unidade de saúde, este é mais um bom exemplo da colaboração que pode existir entre entidades, com a mais-valia de garantir aos utentes do Hospital da Horta melhores cuidados de saúde e aos profissionais de saúde novos conhecimento técnicos”, refere o hospital.