Crise nas pescas resultado de 20 anos de governação socialista considera PSD/Açores

0
10

No primeiro dia dos trabalhos da sessão plenária que teve inicio ontem na Horta e no âmbito de um debate sobre a crise nas pescas, levantado pelo Bloco de Esquerda o PSD/Açores responsabilizou o Governo Regional pela situação em que se encontra o setor na Região, considerando que “isso se deve aos 20 anos de governação socialista”.

“O setor atravessa um dos seus piores momentos de sempre”, disse o deputado Luís Garcia, sublinhando que “este devia ser o momento do Governo Regional prestar contas ao setor e o momento de avaliarmos os resultados”, no entanto o que constata, nesta matéria é que “estes são negativos para as pescas açorianas, devido a 20 anos de políticas e opções erradas”, referiu.

Garcia criticou a tutela por “continuar a anunciar mais planos e mais grupos de trabalho”, numa altura “em que são precisas soluções. E foi este Governo Regional do PS que não soube encontrar essas soluções, pelo que não pode agora esconder as suas responsabilidades”.

No entender do deputado laranja, os pescadores do arquipélago “têm hoje piores rendimentos, com profissionais a ganhar menos de 100 euros por mês”, ao mesmo tempo que se confirmam “graves problemas de sustentabilidade nos recursos piscícolas, que o Governo finge não ver”, disse.

Garcia alertou ainda para a realidade da frota pesqueira nos Açores. A este respeito, considerou que esta “está sobredimensionada”, uma vez mais em “resultado direto das opções erradas dos governantes, que também não se preocuparam em aumentar o nível de formação para os pescadores, nem tão pouco foram capazes de valorizar o pescado açoriano”, salientou.

Por outro lado, o deputado do PSD/Açores acusou ainda o Governo Regional de estar “a adotar paliativos para ver se passa o dia das eleições. Isso mostra a aflição no fim da legislatura e é a confirmação de que tanto está por fazer num setor essencial para a nossa economia”, concluiu.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO