Governo dos Açores acompanha ocorrências causadas pelo mau tempo no arquipélago

0
17
DR

As secretarias regionais da Solidariedade Social, dos Transportes e Obras Públicas e da Energia, Ambiente e Turismo estão a acompanhar as ocorrências resultantes do período de forte precipitação que se fez hoje sentir no arquipélago.

A Secretaria Regional da Solidariedade Social, através do Instituto de Segurança Social dos Açores (ISSA) e em conjunto com o Serviço Municipal de Proteção Civil de Angra do Heroísmo, acompanhou as nove pessoas com necessidade de realojamento na zona oeste da ilha Terceira.

A Direção Regional da Habitação também está de prevenção, sendo informada pelo Serviço Municipal da necessidade de intervenção nos casos de inundações em habitações.

Por sua vez, a Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas, através da Direção Regional das Obras Públicas e Comunicações (DROPC), com a presença no terreno de 20 homens, quatro viaturas e uma máquina, tem acompanhado o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores em todas as ocorrências da sua competência.

Apesar de grande parte das ocorrências registadas até ao momento, nomeadamente inundações e obstrução de vias, terem sido prontamente resolvidas pelos serviços da DROPC, a circulação rodoviária através da estrada regional, na zona do Pico da Bagacina, na freguesia das Doze Ribeiras, encontra-se interdita enquanto decorrem os trabalhos de desobstrução da via.

Grande parte das ocorrências registadas até ao momento, nomeadamente inundações e obstrução de vias, foram prontamente resolvidas pelos serviços da Direção Regional das Obras Públicas Comunicações, em conjunto com as corporações de Bombeiros.

A Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo, através dos serviços da Direção Regional do Ambiente, está a acompanhar todas as situações reportadas ao Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores no que respeita a transbordos de curso de água e a vários danos um pouco por todo o arquipélago, estando no terreno, concretamente na ilha Terceira, uma equipa da Direção Regional do Ambiente.

Os vários departamentos do Governo com responsabilidade em matéria de Proteção Civil continuarão, em conjunto com o mecanismo de emergência do SRPCBA, a acompanhar a situação e a intervir, dentro daquelas que são as suas competências, sempre que necessário.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO