Governo dos Açores assinala Dia Europeu da Música com iniciativa inédita na ilha Graciosa

0
14

O Governo dos Açores, através do Gabinete do Secretário Regional Adjunto da Presidência para as Relações Externas, assinala sábado, 15 de junho, na ilha Graciosa, o Dia Europeu da Música.

Esta comemoração, que pretende destacar a cultura e a música como elementos da identidade europeia, envolve, numa ação inédita, as quatro bandas filarmónicas da ilha, que serão coordenadas pela professora e maestrina Vânia Bettencourt.

No total, estarão envolvidos cerca de uma centena de músicos da Sociedade Filarmónica União Praiense, da Filarmónica União Progresso de Guadalupe, da Filarmónica Recreio dos Artistas e da Sociedade Filarmónica União Popular Luzense, numa iniciativa que tem a colaboração da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa e será apresentada por Helder Tristão da Cunha.

O evento, que decorre na Praça Fontes Pereira de Melo, pelas 20H00, é aberto a toda a população.

Em paralelo, decorrem também atividades educativas e culturais nesta praça central da vila de Santa Cruz, nomeadamente uma mostra expositiva sobre os instrumentos tradicionais dos países da União Europeia e uma oficina de pinturas faciais e desenhos alusivos à UE.

O Dia Europeu da Música ou Festa da Música é celebrado anualmente a 21 de junho, dia escolhido por ser o dia tradicional do solstício de verão e com o objetivo de trazer os músicos para a rua.

A primeira celebração teve lugar em 1982, em França, por iniciativa do ministro da Cultura, Jack Lang.

No ano seguinte, reuniram-se 200 mil músicos, enchendo ruas, praças e jardins, e de ano para ano o evento tem crescido pela Europa.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO