Governo dos Açores preocupado com situação dos trabalhadores da Cofaco do Pico

0
18
DR
DR

O Vice-Presidente do Governo Regional dos Açores, Artur Lima, afirmou hoje que o Executivo está a acompanhar com “preocupação” a situação relativa ao apoio aos trabalhadores da Cofaco da ilha do Pico, já tendo questionado o Governo da República sobre o assunto.

“Esta é uma situação preocupante”, disse Artur Lima, referindo que “no dia 3 de março, a Vice-Presidência do Governo dos Açores escreveu ao Governo da República a pedir esclarecimentos e em que ponto estava o apoio aos trabalhadores da Cofaco na ilha do Pico”.

“Infelizmente, não tivemos nenhuma resposta do Governo da República”, frisou.

Artur Lima falava à comunicação social na sequência de uma reunião com o Coordenador da Direção do SITACEHT/Açores, Vítor Silva, que decorreu em Angra do Heroísmo.

O governante garantiu, no final da reunião, que o Governo dos Açores irá “voltar a insistir”, tendo em conta que esta é uma “situação cada mais premente de se resolver”, com implicações sérias no quotidiano de muitas famílias.

“Gostaria de acrescentar que o incumprimento por parte da Segurança Social e do Ministério da Segurança Social é reincidente”, lembrou o Vice-Presidente do Governo, referindo-se à falta de solidariedade da República na comparticipação do apoio concedido aos pais que ficam em casa a prestar auxílio aos filhos devido ao fecho das escolas.

“Lembro que temos as escolas de São Miguel fechadas. Desde que as escolas abriram no Continente, o Governo da República deixou de comparticipar os 66% aos pais que ficam em casa a tomar conta dos filhos. O que é gravíssimo”, lamentou.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO