MUSEU DA HORTA MOSTRA TESOUROS ARQUEOLÓGICOS DO MAR DOS AÇORES ATÉ AO FIM DO ANO | “Entram visitantes, saem embaixadores da defesa dos oceanos”

0
32
blank

A sala polivalente da Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, no coração da Horta, recebe, até ao fim de dezembro, a exposição “Mar Tenebroso – O projeto Margullar e os naufrágios dos Açores”. Patente ao público desde maio, esta mostra é um projeto sem precedentes na museografia regional, impulsionada pelo projeto Margullar. Criado em 2017 com financiamento europeu, este projeto pretendia conservar, proteger, promover e valorizar o património arqueológico subaquático da Macaronésia, evidenciando o seu potencial turístico. O projeto prolonga-se até 2023, e desde que nasceu tem permitido a realização de muitos trabalhos de arqueologia subaquática, que vieram reconfirmar o enorme potencial do fundo do mar dos Açores para este nicho turístico. Nesta exposição, contributos dos acervos de vários museus regionais visam também mostrar ao público esse potencial. O Tribuna das ilhas esteve à conversa com o coordenador científico da exposição, José Luís Neto, que é também, recorde-se, diretor do Museu da Horta. Para o arqueólogo, o forte interesse da população local nesta exposição é uma forte recompensa, que vem ao encontro dos esforços do Museu para estar ao lado da comunidade onde se insere.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!