Proteção Civil – “Nunca lhes seremos suficientemente gratos, mas recordaremos sempre o seu exemplo de profissionalismo e dedicação”, afirmou José San-Bento

0
7
Deputado Jose San Bento

A Comissão de Política Geral da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores reuniu esta quinta-feira, dia de 9 abril, por videoconferência, para proceder à audição do Secretário Regional Adjunto da Presidência para as Relações Externas, bem como da Secretária Regional da Saúde que se fez acompanhar por Carlos Neves, presidente do Serviço Regional de Proteção Civil e de Bombeiros dos Açores.

No final da reunião, José San-Bento, Vice-presidente do GPPS-A afirmou que “esta reunião foi importante. As audições realizadas confirmaram que o Governo dos Açores está a atuar de forma muito competente na luta contra a COVID-19, os Açores estão a implementar as medidas necessárias de forma rápida e determinada com o objetivo de conter a propagação da doença e de proteger as pessoas. Ficamos mais confiantes com as informações que nos prestaram”.

Para além das preocupações e dos assuntos que suscitaram pedidos de esclarecimento dos deputados da Comissão de Política Geral, José San-Bento salientou “o excelente trabalho, reconhecido por todos, que está a ser desenvolvido pela Proteção Civil nos Açores, eles provaram ter capacidade de se adaptar rapidamente ao inesperado. É um trabalho de coordenação e de capacidade operacional impressionante” na luta contra a Pandemia do COVID-19. San-Bento considera que todo esse trabalho “reforça a perceção de segurança e de confiança por parte das populações, aspeto fundamental para garantir o cumprimento das recomendações das autoridades de saúde e, assim, vencermos a ameaça invisível com que nos confrontamos”.

José San-Bento lembrou que “este sucesso atual não é fruto do acaso, revela o muito que se planeou e investiu, no passado e no presente, em Proteção Civil. Também estamos a colher os frutos do que plantamos”.

O socialista salientou “a dedicação e o profissionalismo do Governo, de toda a estrutura de comando da Proteção Civil, de todas as Associações de Bombeiros, de todas as Forças de Segurança e de todos os operacionais envolvidos. Todas essas pessoas estão a realizar diariamente funções determinantes para nos proteger. Merecem o nosso reconhecimento porque o seu trabalho comporta vários riscos, é muito exigente, física e emocionalmente, e sacrifica o tempo dedicado às suas famílias”.

José San-Bento alertou ainda que “é preciso continuar o trabalho intenso de Proteção Civil que está a ser realizado nos Açores. Ainda estamos numa fase crítica. Vai ser necessário continuar esse enorme esforço por mais tempo. Não podemos falhar, é a vida de pessoas e a tranquilidade das populações que estão em causa”. Por todas essas razões, o Vice-presidente do GPPS-A considera que em relação à Proteção Civil nos Açores “nunca lhes seremos suficientemente gratos, mas recordaremos sempre o seu grande exemplo de profissionalismo e dedicação”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO