São Roque do Pico cria incubadora de empresas para estimular o empreendedorismo e o emprego

0
13
DR/CMSRP
DR/CMSRP

A Câmara Municipal de São Roque do Pico apresentou no dia de hoje a CRIAR TEC, a primeira Incubadora de Empresas do concelho, do Pico, e das ilhas do Triângulo que tem como mentores um conjunto de colaboradores de empresas de topo mundial.

Vocacionada para a incubação de empresas de base local e tecnológica, a CRIAR TEC constitui mais um importante passo da Câmara Municipal de São Roque do Pico no continuado apoio a entidades, empresas e empreendedores, que pretendam firmar ideias e projetos com potencial económico, portadores de interesse para o desenvolvimento e competitividade local, regional e nacional.

Nesta fase de lançamento, a CRIAR TEC tem como parceira a Azores X, que beneficiando da experiência e dos contactos estabelecidos ao longo de anos em Silicon Valley no ramo das tecnologias pelo seu CEO, Roberto Lino, já assegurou um importante lote de mentores vindo de organizações como a Apple, Skype, Microsoft, eBay, Cisco, Lucas Film, Zoom, Nike, PALCUS, Webex, MTV e a Adobe entre outras que podem oferecer um manancial importante às empresas incubadas a nível de experiência e know-how, bem como ligações a financiamento.

Esta incubadora pretende alojar temporariamente projetos empreendedores, de pequenas e médias empresas, em novas áreas de negócio que possam instalar-se no concelho de São Roque do Pico para estimular o empreendedorismo, criar postos de trabalho e fixar profissionais qualificados no concelho. 

Estes propósitos foram reforçados na apresentação de a CRIAR TEC pelo Presidente da Câmara Municipal de São Roque do Pico. Mark Silveira assumiu que a criação da Incubadora de Empresas tem como principal objetivo “desenvolver o tecido económico-empresarial, para que possa haver mais postos de trabalho, mais emprego e maior valor acrescentado, tornando São Roque do Pico mais atrativo para a fixação de população em geral, mas de jovens em particular, recentemente formados, aumentando a nossa massa crítica”.

“A CRIAR TEC, pretende deste modo impulsionar a criatividade empresarial dos residentes e não residentes, alojando temporariamente projetos empreendedores, de pequenas e médias empresas, em novas áreas de negócio que possam a vir potencialmente fixar-se em São Roque do Pico constituindo mais um importante passo desta Câmara Municipal no continuado apoio a entidades, empresas e empreendedores”, afirmou Mark Silveira, sublinhando que “a primeira incubadora de empresas do Pico e das ilhas do Triângulo pretende, assim, estimular os jovens a participar na vida empresarial de São Roque do Pico promovendo o surgimento de soluções para o seu futuro e para o futuro do concelho”.

Inicialmente a CRIAR TEC arranca em modo virtual através de plataformas digitais de colaboração e comunicação permitindo às empresas incubadas acesso a informação, processos, ferramentas e mentores.

A incubadora conta também com espaço físico provisório no antigo Centro de Multimédia de São Roque e futuramente será integrada num edifício próprio que está a ser adaptado, prevendo-se que as obras em curso fiquem concluídas durante o ano de 2021. 

Com parceiros como o TERINOV, StartUp Angra, Praia Links, Palcus, Associação Comercial da Ilha do Pico, Associação de Agricultores da Ilha do Pico, Escola Básica e Secundária de São Roque do Pico, Escola Profissional do Pico, Escola Profissional da Horta e Clube Naval de São Roque do Pico, a CRIAR TEC conta com a colaboração de entidades com experiência em incubação e formação, mas pretende, também, contribuir para a rede regional e nacional de incubadoras com a sua rede de contatos e know-how.

Duarte Pimentel, diretor executivo do TERINOV, entende que a assinatura do protocolo hoje celebrado com a CRIAR TEC vai permitir “estreitar relações e promover sinergias entre ambas as incubadoras” o que reforça o objetivo dos parques de ciência e tecnologia e das incubadoras de empresas de “aumentar a riqueza da comunidade, promovendo uma cultura de inovação e competitividade das empresas e instituições”.

Para aprender mais sobre este importante projeto e acompanhar o seu desenvolvimento visite www.criartec.pt e subscreva a newsletter. Ou então siga a CRIAR no Facebook e restantes redes sociais.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO