“Açores a Preto e Branco” – Álbum fotográfico lançado na Horta

0
16
DR

DR

No passado dia 7 de julho foi promovido pela Direção Regional da Cultura, através da Biblioteca Regional e Arquivo Público João José da Graça, o lançamento do álbum fotográfico “Açores a Preto e Branco” de Sérgio Ávila e Victor Rui Dores. 

Esta obra apresenta um retrato dos Açores com fotografias de Sérgio Ávila e textos bilingues de Victor Rui Dores.
O lançamento da obra “Açores a Preto e Branco” decorreu no auditório da Biblioteca Pública e Arquivo Regional João José da Graça, a apresentação foi feita pela prof. Maria do Céu Brito e contou com a presença do coautor Victor Rui Dores.
Num discurso dinâmico e diferente Victor Rui Dores percorreu a história e beleza das ilhas do Açores intercalando o discurso com a música, recorrendo ao piano.
Victor Rui Dores revelou que a ideia desta obra resultou de várias viagens que o próprio fez com a família durante alguns anos, percorrendo as nove ilhas do Açores, e ressalva, “mas percorrendo e visitando bem, porque as ilhas não são para ser vistas com pressa”.
Para Victor Rui Dores tirar uma fotografia é “fixar o tempo e o espaço de um instante, e é captar aquele momento que é único e irrepetível” e para isto o coautor sublinha a necessidade de sensibilidade artística e conhecimento técnico.
Victor Rui Dores sublinha essa capacidade e competência em Sérgio Ávila, que apesar de ser biólogo e professor universitário, concilia a arte e técnica que anda sempre de ilha em ilha “de câmara em punho a recriar, reinventar e a reinterpretar o que todos nós vemos, mas ele tenta sempre um novo enquadramento, uma nova visão e perspetiva”.
O coautor revela que o principal desafio deste livro é “pintar as cores dos Açores a preto e branco”.
“Açores a Preto e Branco” da autoria de Victor Rui Dores e Sérgio Ávila é uma edição das Letras Lavadas. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO