António Ventura questiona ministro sobre “défice de 200 agentes” da PSP nos Açores

0
15
DR/PSD
DR/PSD

O deputado do PSD/Açores na Assembleia da República António Ventura questionou o Ministro da Administração Interna sobre o “défice de 200 agentes” da PSP na Região, lembrando que os anúncios do governante sobre o reforço do contingente policial não correspondem à realidade.

“Quando o senhor ministro anunciar novos agentes da polícia para os Açores, diga quantos efetivamente é que vão ficar. É que ficam sempre menos agentes que aqueles que o senhor ministro anuncia”, afirmou o parlamentar social-democrata açoriano.

António Ventura, que falava numa audição ao Ministro da Administração Interna, no âmbito do debate na especialidade da proposta do Orçamento do Estado para 2021, recordou que os novos 40 agentes da PSP anunciados pelo Governo da República para os Açores “não correspondem à realidade”.

“Este ano foram colocados 40 novos agentes nos Açores, mas saíram 28 por transferência. Sobram 12 novos agentes da PSP. Se retirarmos os que foram para a aposentação, pré-aposentação e convidados para lecionar, os Açores ficam com um saldo muito negativo”, explicou.

O deputado social-democrata açoriano questionou também o Ministro da Administração Interna sobre o ponto da situação dos prometidos investimentos na sede do Comando Regional dos Açores da PSP, em Ponta Delgada, e nas esquadras da Ribeira Grande e Corvo.

António Ventura alertou ainda para a necessidade de serem feitas “intervenções urgentes” nas esquadras das Lajes das Flores, Madalena, São Roque do Pico e Praia da Vitória.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO