Atlânticoline: Empresa estuda contraproposta que pode conduzir ao fim da greve

0
47
blank

Entendimento ou mediação externa. Dia 4 o Sindicato remeteu contraproposta que a empresa está a estudar. Greve levou ao cancelamento de 17% das viagens.

O Sindicato dos Trabalhadores e Marinha Mercante, Agência de Viagem, Transitários e Pesca (SIMAMEVIP) remeteu à Atlânticoline S.A. uma contraproposta no início de fevereiro. A empresa “está a analisar a mesma, privilegiando sempre uma solução acordada entre as partes, face a uma decisão externa”, diz ao Tribuna das Ilhas.

A intenção é resolver a questão e assim terminar com a greve até ao final deste mês, no entanto a empresa do setor público mantêm a porta aberta a um pedido de arbitragem obrigatória por parte do Conselho Económico e Social caso a situação não conheça o seu fim.

A empresa de transporte marítimo de passageiros e carga ameaçou recorrer ao Conselho Económico e Social em comunicado de 22 de janeiro último. Criticavam o que consideravam ser “uma posição de absoluta intransigência e total falta de espírito negocial” que diziam ter chegado a “um nível incompreensível”. Na altura a força sindical recusou as acusações e garantiu ter “facilitado as negociações” e ido “ao encontro dos anseios” da empresa.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura