AUTORIDADE DE SAÚDE REGIONAL – Cinco ilhas com novos casos de COVID-19

0
75
DR
DR

Nas últimas 24 horas foram diagnosticados nos Açores 11 novos casos positivos de Covid-19, sendo um no Faial, um no Pico, um nas Flores, dois em São Jorge e seis em São Miguel, resultantes de 5.954 análises realizadas nos laboratórios de referência da Região tendo em conta que no período de 25/06/2021 a 01/07/2021 verificaram-se alguns constrangimentos a nível informático, que dificultaram a informatização dos resultados dos testes de despiste ao SARS-CoV-2. Procede-se agora à atualização do total de análises processadas no arquipélago.

No Pico, foi diagnosticado um novo caso em São Mateus, no concelho da Madalena, resultante de rastreio à chegada a um viajante, não residente. Nas Flores há registo de um caso positivo na Fajã Grande, concelho das Lajes, resultante de rastreio à chegada, a um viajante, não residente. Em São Jorge também há registo de dois casos positivos, na Vila das Velas, referentes a rastreio de 6.º dia, a dois viajantes, não residentes. No Faial há registo de um novo caso nas Angústias, concelho da Horta, de um residente que testou positivo no rastreio de 6.º dia.

Em São Miguel, há seis novos casos que resultam de transmissão comunitária. Assim, o concelho da Ribeira Grande regista cinco novos casos.

Considerando que um dos casos reportados ontem na ilha Terceira – concelho da Praia da Vitória, freguesia do Cabo da Praia, referente a um rastreio do 6.º dia a viajante interilhas, é o mesmo caso reportado anteontem na ilha de São Miguel, concelho de Ponta Delgada, freguesia da Fajã de Cima, por ser esta a informação que à data constava na plataforma CoViD-19, anulou-se o registo do caso em São Miguel, passando apenas a contar como caso da Praia da Vitória (onde se encontra).

Também nas últimas 24 horas foram registadas 18 recuperações . Um dos casos reportados anteriormente para Santa Maria, com história de ligação aérea inter-ilhas, cujo teste de despiste ao SARS-CoV-2, produziu resultado positivo, apresentou documentação comprovativa de uma anterior infeção e respetiva recuperação, não sendo considerado caso ativo na Região.

À data de hoje estão internados sete doentes, todos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, nenhum em UCI. Registou-se um óbito durante o dia de ontem, de um doente internado no Hospital do Divino Espírito Santo em Ponta Delgada, do sexo masculino, de 51 anos, residente nas Calhetas, Ribeira Grande. O homem em causa morreu devido a falência de órgãos, ou sistema, do qual padecia de doença crónica. No caso em apreço o certificado de óbito não coloca como causa direta da morte, complicações decorrentes de infeção por Sarscov2, apesar de o doente em causa apresentar também a mesma.

O arquipélago conta presentemente com 300 casos positivos ativos, sendo 285 em São Miguel, cinco na Terceira, três no Pico, dois na Graciosa, dois em São Jorge, dois no Faial e um nas Flores. Foi extinta uma cadeia de transmissão local primária no Faial, existindo agora duas cadeias do género ativas no arquipélago, uma no Faial e outra no Pico. Até ao presente foram extintas 204 em todas as ilhas. Em vigilância ativa estão hoje 2.133 pessoas.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 6.499 casos positivos de Covid-19, tendo recuperado da doença 6.025 pessoas. Faleceram 34, saíram do arquipélago 83 e 57 apresentaram prova de cura anterior. Até ao presente realizaram-se 585.049 análises para despiste do vírus SARS-CoV-2, que causa doença Covid-19. Desde 31 de dezembro de 2020 e até 30 de junho passado, foram administradas nos Açores 224.012 doses de vacinas contra a covid-19, havendo 124.738 pessoas com, pelo menos, uma dose (51,4% da população) e 99.274 pessoas com vacinação completa (40,9%), no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO