BE defende formação e empregabilidade de mulheres na comunidade piscatória

0
6
DR/BE
DR/BE

O Bloco de Esquerda saúda o projeto Casa D’Elas, da Associação Marítima de Pesca e Aquicultura, destinado a promover a formação e a empregabilidade de mulheres na freguesia de São Mateus, na ilha Terceira, e defende o empenho do Governo Regional na procura de soluções de financiamento que assegurem a concretização deste projeto.

Em causa está um valor de aproximadamente 160 mil euros, para complementar um apoio já atribuído pela autarquia de Angra do Heroísmo, para a recuperação de um edifício destinado a formação e instalação de serviços relacionados com a atividade da pesca – que tem uma grande importância económica e social naquela freguesia – nomeadamente a venda de peixe e a confeção de refeições.

O objetivo é não só tornar a associação financeiramente sustentável, mas também intervir na comunidade, com especial atenção às mulheres, com uma aposta na formação e na criação de postos de trabalho.

Alexandra Manes considera que o Governo Regional deve olhar com muita atenção para este projeto e fazer tudo o que estiver ao seu alcance, dentro das regras existentes, para que ele seja bem-sucedido, salientando que todas as iniciativas que combatam a precariedade laboral e combatam a desigualdade de género através da formação e da criação de oportunidades para a valorização das mulheres têm que ser apoiados.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO