Bolieiro defende reforço do financiamento da Universidade dos Açores

0
38
DR/PSD
DR/PSD

O candidato do PSD/Açores a Presidente do Governo afirmou hoje que é seu compromisso o reforço do financiamento da Universidade dos Açores, alegando que é “absolutamente insuficiente”, nomeadamente no que diz respeito aos custos da tripolaridade.

“Quero deixar a garantia de que teremos um compromisso de financiamento regular, previsível e estável, que alavanque a investigação, a inovação e a tripolaridade da Universidade dos Açores”, afirmou José Manuel Bolieiro, em declarações aos jornalistas, após uma reunião com o reitor da Universidade dos Açores.

O líder social-democrata lembrou que os custos com a tripolaridade da Universidade dos Açores, que possui polos nas ilhas de São Miguel, Terceira e Faial, já foram alvo de um estudo feito pela academia açoriana, estando estimados em cerca de 800 mil euros por ano.

“A verba de 350 mil euros anuais atribuídos pelo Governo Regional é absolutamente insuficiente. Isso já está mais que reconhecido e demonstrado pela Universidade dos Açores”, sublinhou.

Para José Manuel Bolieiro, “é preciso reforçar esta verba, tendo em conta a responsabilidade que a Região e a Autonomia devem ter para com o papel da Universidade dos Açores, e de acordo com os recursos disponíveis no Orçamento Regional”.

“Não se pode fazer da Universidade dos Açores uma instituição de mão estendida, com dúvidas sobre o financiamento que vai receber em cada ano. É preciso garantir estabilidade e previsibilidade”, considerou.

Em relação ao financiamento que a Universidade dos Açores recebe do Orçamento do Estado, o presidente do PSD/Açores defendeu que tem de ser “adequado e suficiente”.

“É preciso garantir, no contexto nacional, a responsabilidade do Estado no financiamento adequado e suficiente da Universidade dos Açores. Da parte do PSD há o compromisso de, através dos nossos deputados na Assembleia da República, trabalhar nesse sentido. Fiz-me hoje acompanhar pelo deputado Paulo Moniz, que tem sido um baluarte na defesa do interesse da Universidade dos Açores na Assembleia da República”, frisou.

José Manuel Bolieiro destacou ainda a “importância estratégica” que a Universidade dos Açores tem para o desenvolvimento da Região.

“A Universidade dos Açores é um pilar do desenvolvimento açoriano e da Autonomia regional”, afirmou o líder social-democrata.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO