Bundesliga. Sem deslumbrar, mas Lewandowski e companhia fizeram o suficiente para manter a liderança

0
2
DR
O Bayern Munique regressou hoje à competição na Alemanha com triunfo por 2-0 na visita ao Union Berlim, mantendo a liderança isolada na 26.ª jornada da Liga alemã de futebol, com quatro pontos para o Borussia Dortmund.Com as bancadas vazias, que marcam este retorno da ‘Bundesliga’ em tempos de covid-19, os bávaros começaram por reclamar com o VAR, que não validou, por escassos centímetros, um golo a Thomas Muller, aos 17 minutos. Porém, o tento chegaria os 38 minutos, com penálti convertido pelo polaco Robert Lewandowski.

No segundo tempo, aos 80 minutos, o francês Benjamin Pavard ampliou, de cabeça, na sequência de um canto, confirmando o triunfo da melhor equipa em campo, mesmo que longe de deslumbrar.

O Bayern Munique tem agora 58 pontos, seguido do Borussia Dortmund com 54 e do Borussia Moenchengladbach com 52, destronando do pódio o Leipzig, que empatou e agora tem 51.

O Union Berlin é 12.º com 30 pontos, sete acima da linha de despromoção.

No outro desafio, o Colónia desperdiçou em casa uma vantagem de dois golos frente ao Mainz, permitindo um empate 2-2.

Com uma bancada colorida por cachecóis e camisolas do clube, a tentar amenizar a ausência de público, Mark Uth adiantou os anfitriões de penálti, logo aos seis minutos, enquanto Florian Kainz amplicou para 2-0, com tento aos 53.

O que parecia uma vantagem descansada esfumou-se em pouco tempo, pois o recém-entrado Taiwo Awoniyi reduziu, aos 61 minutos, e Junde Malong, aos 72, fez o 2-2, atribuindo um ponto a cada oponente.

O Colónia é agora 10.º classificado, com 33 pontos, enquanto o Mainz é 15.º, com 27.

A Liga alemã arrancou com a possibilidade de se realizarem cinco substituições em cada jogo devido à longa paragem que os jogadores enfrentaram e sem a obrigatoriedade de máscara para os treinadores.

Devido à pandemia de covid-19, alguns campeonatos de futebol, como França, Países Baixos e Bélgica, foram cancelados, enquanto outros países preparam o regresso à competição com fortes restrições, como sucede com Inglaterra, Itália, Espanha e Portugal, que tem o reinício da I Liga previsto para 04 de junho.

O futebol na Alemanha tem sido encarado como um ‘balão de ensaio’ na retoma das competições e quando a pandemia do novo coronavírus ainda atinge países por todo o mundo.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO