Centro de Dia dos Flamengos – Investimento reforça capacidade de resposta do Faial

0
17
DR

DR

Numa visita às obras de construção dos novos Centro de Dia e de Convívio do Centro Comunitário do Divino Espírito Santo, o Secretário-Coordenador do Partido Socialista (PS) do Faial afirmou que este permitirá duplicar a resposta social dada ao Faial nesta área.
“Trata-se de um novo equipamento social que vai ao encontro do objetivo do Partido Socialista de reforçar a capacidade da valência de Centro de Dia na ilha do Faial”, disse Tiago Branco.

Na passada segunda-feira, o Secretariado de Ilha do PS/Faial visitou as obras de construção do novo Centro de Dia e de Convívio do Centro Comunitário do Divino Espírito Santo e reuniu com a direção do mesmo.
O Secretário-Coordenador afirmou na ocasião que a construção daquela infraestrutura permitirá contribuir para a da atual resposta social que é dada no Faial nesta área com a construção de um Centro de Dia e de um Centro de Convívio com capacidade para 30 e 20 utentes, respetivamente, estando reservadas ainda vagas para o descanso do cuidador informal.
Para Tiago Branco, “trata-se de um novo equipamento social que vai ao encontro do objetivo do Partido Socialista de reforçar a capacidade da valência de Centro de Dia na ilha do Faial, também em parceria com a Associação de Pais e Amigos dos Deficientes do Faial, com a possibilidade que está a ser analisada de aumentar também o número de vagas no Centro de Dia da Conceição, conforme já anunciado pelo Governo Regional dos Açores”.
“São um conjunto de investimentos na rede de equipamentos sociais do concelho, aos quais acrescem a recente conclusão das obras de ampliação e remodelação do Castelinho e a construção do futuro Centro Intergeracional da Feteira, e que evidenciam o apoio às famílias, na conciliação da sua vida profissional e pessoal, e a prioridade que o Governo dos Açores confere às medidas de promoção da infância, juventude e do apoio aos nossos idosos”, sublinhou ainda o socialista.
O novo Centro de Dia dos Flamengos representa um investimento de 1 milhão de euros do Governo Regional dos Açores, estando a sua entrada em funcionamento estimada para o início do próximo ano.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO