Cineclube do Faial traz cinema para todos os gostos

0
46
Cinema. Cineblube

Organização cinéfila apresentou programa para os próximos meses. Intenção passa por continuar a oferta alternativa aos circuitos mais comerciais e à televisão.

O Cineclube do Faial arrancou com a sua programação para 2022 sábado último. O ciclo “Isto não é Ficção” começou com a projeção de A Wander Into de Ocean, de Toma Zidic, segue agora para Colectiv – Um Caso de Corrupção, de Alexander Nanau, no dia 18, e termina com Honeyland – A Terra do Mel, obra de Tamara Kotevska e Ljubomir Stefanov a 25.

O Colectiv conta a história de um grupo de jornalistas romeno na sua árdua jornada de desvendar fraudes na saúde pública, corrupção e má administração, já Honeyland retrata a vida de um apicultor de abelhas selvagens que vive nas montanhas da Macedónia do Norte. Com estas sessões retoma-se o cinema às 3.ª-feiras, pelas 21h00, no Teatro Faialense.
Para agenda destes primeiros meses do ano prepararam um ciclo dedicado “ao brilhante cineasta português João César Monteiro”, a acontecer em fevereiro. “O mês de março é destinado à mulher e à sua condição na humanidade porque, infelizmente, a igualdade de género ainda não é uma realidade nem no mundo, nem em Portugal, nem na ilha do Faial”, salienta a organização em entrevista ao Tribuna das Ilhas.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO