CMH e CNH reforçam parceria

0
9

A Câmara Municipal da Horta (CMH) e o Clube Naval da Horta (CNH) assinaram na semana passada um Protocolo de Cooperação.

O protocolo assinado no valor de 34 947 euros tem como objetivo desenvolver a atividade desportiva do clube, promover a manutenção administrativa e financeira e ainda promover a organização de iniciativas do CNH nas regatas internacionais e regionais. Desenvolver o programa Nautiférias e o património baleeiro é outro dos propósitos deste protocolo que dedica a maior fatia do seu montante a apoiar a organização do Festival Náutico da Semana do Mar, que ronda cerca dos 23 mil euros.

O valor acordado em protocolo será entregue em duas partes, a primeira foi entregue logo após a assinatura do protocolo, e os outros 50% vão ser entregues no mês de setembro, após a realização do Festival Náutico da Semana do Mar.

José Decq Mota, presidente do Clube Naval da Horta, disse após a assinatura do protocolo que este era um dos momentos “que define o relacionamento que existe entre a Câmara Municipal e o Clube Naval” e salientou a importância do Município nos quadros dos apoios do Clube Naval. O presidente do CNH lembrou ainda as inúmeras atividades realizadas ao longo do ano pelo CNH, que exigem meios financeiros e materiais.
Na ocasião, José Leonardo Silva, Presidente da Câmara Municipal da Horta, anunciou que a autarquia tem vindo a desenvolver atividades, em parceria com o Kit do Mar, a próxima das quais terá lugar já no próximo mês de maio, no sentido de, ao nível dos mais jovens, sobretudo em idade escolar, possam ser aflorados temas dentro da temática do mar e das atividades ligadas ao mar, para que, num concelho que tem no mar uma das suas maiores potencialidades, exista uma cultura e uma apetência natural para esta vertente.

Para José Leonardo Silva, “esta parceria com o Clube Naval justifica-se pelo facto de ajudar a promover o Faial e os Açores” para além do trabalho que já realizamos ao nível da promoção da Marina e da Horta ao nível do Clube das Mais Belas Baías do Mundo.

O autarca destacou a envolvência dos voluntários na organização e funcionamento daquele clube e relembrou que, no futuro, é importante que as autoridades competentes tenham uma atenção redobrada ao nível dos equipamentos que este utiliza” no sentido de proporcionar melhores condições ao exercício das várias atividades.
Por seu turno, o Presidente do Clube Naval da Horta, José Decq Mota, realçou o “apoio permanente” que a autarquia presta ao funcionamento daquela entidade, “em atividades diversas”, bem como a participação e colaboração do ao nível da Comissão Municipal para os Assuntos do Mar e da Comissão Náutica Municipal.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO