CTT reforçam proximidade na Região Autónoma dos Açores

0
23
blank

CTT

Ao contrário do veiculado em algumas notícias, os CTT – Correios de Portugal estão a reforçar a sua proximidade aos açorianos, não encerrando qualquer das suas Lojas e abrindo novos Pontos CTT, em Juntas de Freguesia, com o acordo destas.

Detentores de uma rede de atendimento que, quando comparada com a de outros operadores europeus, apresenta uma densidade superior à de diversos países, revelando um elevado nível de penetração dos serviços postais, traduzido numa cobertura postal com uma densidade que se situa na média dos países da União Europeia, os CTT têm como um dos seus pilares a proximidade às populações, que será agora reforçada.

Os CTT contam atualmente na Região Autónoma dos Açores com 35 Pontos, 11 dos quais localizados na Rede Integrada de Apoio ao Cidadão (RIAC). Os Pontos CTT que até agora funcionaram na RIAC serão transferidos para instalações das Juntas de Freguesia, mas mantendo os CTT os direitos e continuando, direta e pessoalmente, sujeitos às obrigações da Concessão do Serviço Postal Universal que lhes está atribuída.

Esta alteração traz vantagens para os Açorianos, que continuam a usufruir de todos os serviços definidos no âmbito do Serviços Postal Universal (Serviço Público), bem como os demais serviços postais, incluindo entrega e recebimento de correio e encomendas, apartados, selos, pagamentos de vales postais (incluindo pensões), pagamentos de faturas e outros, tais como impostos, coimas, segurança social, portagens, bilhetes para espetáculos, produtos filatélicos, etc., e em horário mais alargado do que o prestado atualmente nas instalações da RIAC. O alargamento de horário será, no mínimo, de 5 horas semanais.

Este plano de deslocalização dos Pontos CTT em instalações da RIAC estará concluído até ao final deste ano e é conduzido pelas equipas da RIAC, das Juntas de Freguesia e dos CTT, garantindo-se assim a transferência de serviços sem qualquer perturbação operacional, em benefício da qualidade na prestação de serviços aos clientes.

Os novos Pontos CTT estarão localizados em instalações que cumprem todos os requisitos definidos no Protocolo celebrado entre a ANAFRE e os CTT, entidades que partilham o espírito de missão, de serviço público e de proximidade na prestação de mais e melhores serviços aos cidadãos e às empresas.