Direitos dos alunos surdos estão a ser salvaguardados pelo Governo dos Açores, garante Sónia Nicolau

0
6
DR

Sónia Nicolau esclareceu que já na próxima segunda-feira “os nossos alunos irão continuar a ter apoio através dos intérpretes de língua gestual – É uma continuação daquilo que está a ser feito desde de 2009”. A deputada do PS/Açores também sublinhou que “está neste momento na BEPA [Bolsa de Emprego Pública dos Açores] um concurso para quatro vagas para a escola dos Arrifes e que, portanto, as condições estão garantidas, o que demonstra que o Governo Regional está a acompanhar há muito tempo esta situação”.

“A proposta do Bloco de Esquerda não apresenta nenhuma solução e mais não faz do que iludir os Açorianos”, afirmou Sónia Nicolau, esta sexta-feira depois do debate sobre intérpretes de Língua Gestual Portuguesa na Escola dos Arrifes. A deputada do Grupo Parlamentar do PS/Açores condenou o “oportunismo político” do Bloco de Esquerda que apresentou uma proposta com ataques infundados, uma proposta apresentada uma semana depois de terem sido anunciadas as mesmas medidas pelo Governo dos Açores.

A parlamentar condenou também as ilegalidades que constam da proposta em debate: “Mais uma vez ilude os Açorianos, ilude as crianças, os jovens e as suas famílias, ilude também os intérpretes ao propor que prorroguem os contratos a termo certo, quando sabe que isso não é legal, logo não pode ser aprovado por esta Assembleia”.

Sónia Nicolau recordou que a questão em debate “é uma preocupação constante do Partido Socialista, mas não é uma preocupação de hoje, mas sim antiga, como se comprova pelo facto de ter sido o Governo do Partido Socialista a criar nos Açores uma Escola de referência para alunos surdos e a criar um regime pioneiro de necessidades especiais, entre outros exemplos”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO