Duarte Freitas contra novo regime baixas médicas

0
7

O presidente do PSD/Açores, Duarte Freitas, manifestou-se esta segunda-feira, contra o novo regime de baixas médicas e apelou ao  governo regional para revogar a portaria que obriga a que seja um médico do Serviço Regional de Saúde a passar o atestado e impede um privado de o fazer.

Esta reação foi manifestada após uma reunião com a direção de seção regional da Ordem dos Médicos. “Temos autonomia para termos medidas próprias para fazer face aos problemas específicos da nossa Região. Faço um apelo ao governo para que, no uso das suas competências, revogue esta portaria”, afirmou Duarte Freitas, lembrando que 40 mil açorianos não têm médico de família.

O líder social-democrata lembrou que o acesso ao Serviço Regional de Saúde já não é “muitas vezes” aquele que seria “desejável” e que “acrescentar uma outra perturbação vem agravar os problemas que já existem”.

Tendo em conta que os Açores já possuem uma inspeção regional de saúde e “vários mecanismos” para fazer a fiscalização das baixas médicas, Duarte Freitas considerou fundamental que governo regional socialista volte atrás com esta medida, “a bem da credibilização da classe médica e, em especial, a bem das necessidades dos utentes”.

“Os utentes já pagam, pelos seus impostos, o serviço público de saúde, pagam também, muitas vezes, quando têm de ir à privada e depois teriam de pagar de novo uma taxa moderadora para certificarem a sua baixa”, fez questão de reforçar o líder social democrata.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO