Exposição “Violas dos Açores” visitou 3 Ilhas no espaço de um ano

0
0
blank
dr

Fonte: Associação Viola da Terra

A Exposição “Violas do Açores” despede-se da Ilha Terceira, depois de ter estado patente ao público nas últimas semanas, no Átrio Superior dos Paços do Concelho de Angra do Heroísmo. A exposição teve a sua inauguração a 2 de Outubro, nas Comemorações do Dia da Viola da Terra 2022, com a presença de alunos da Classe de Viola da Terra de Lázaro Silva, do Conservatório Regional de Angra do Heroísmo. Esta iniciativa foi produzida pela Sons do Terreiro – Associação Cultural, em parceria com o Município de Angra do Heroísmo e com o Grupo de Baile da Canção Terceirense.

De 25 de Janeiro a 7 de Junho, a exposição esteve patente ao público no Museu da Graciosa. Nesse período realizou-se um recital de Viola da Terra com Bruno Bettencourt, da Ilha Terceira, e com a participação da formação Graciosense ART Grupo e convidado. O Museu foi às escolas e à Junta de Freguesia de Guadalupe com estra mostra. Neste contexto, foi feita uma sessão do serviço educativo dirigida aos alunos e professor de guitarra da Escola Secundária da Graciosa, orientada pelo Director do Museu, os quais também visitaram a oficina de construção de instrumentos de corda do prof. David Melo.

Em 2021 a exposição teve a sua primeira exibição pública, na Fajã de Baixo, nas comemorações do “Dia da Viola da Terra 2021”. Esta exposição conta com 13 fotografias de Violas da Terra, de várias ilhas dos Açores: de 12, 15 ou de 18 cordas, com 2 ou 3 corações, ou abertura circular do tampo, com embutidos em forma de pássaro, peixe, flor-de-lís ou outros.

Ainda em 2021, a exposição “Violas dos Açores” esteve patente no Auditório Luís de Camões, de 3 a 17 de Dezembro, para toda a comunidade escolar do Conservatório Regional de Ponta Delgada.

A exposição é uma iniciativa da Associação de Juventude Viola da Terra, mas tem tido uma enorme procura e colaboração de outras entidades na sua divulgação, uma vez que retrata a diversidade da nossa Viola e pretende dar a conhecer os diferentes modelos de Violas na nossa Região, bem como a grande riqueza da imaginação dos construtores ao longo dos anos, contando com o registo fotográfico de Violas de 8 ilhas dos Açores.

Em 2023 “Violas dos Açores” seguirá o seu intuito de itinerância por mais Ilhas dos Açores, pretendendo percorrer todas as 9 Ilhas do Arquipélago.