Governo dos Açores associa-se ao FABRIC Festival, em Fall River

0
32

O Diretor Regional das Comunidades anunciou, nos Estados Unidos da América, que o Governo dos Açores vai apoiar a realização do FABRIC Festival, evento organizado pela Casa dos Açores de Nova Inglaterra e com a curadoria dos responsáveis pelos festivais Tremor e Walk&Talk.

Paulo Teves, no encontro que manteve com a Direção da Casa dos Açores da Nova Inglaterra, salientou a importância deste tipo de iniciativas, destacando a “oportunidade de dar a conhecer os Açores artísticos de hoje”, aproximando os jovens açordescendentes à Região.

“O FABRIC Festival é um evento inédito que irá permitir, através de atividades artísticas e musicais, despertar nos mais jovens o interesse pelas suas raízes e aproximá-los, cada vez mais, aos Açores”, afirmou.

Esta é uma iniciativa dedicada à arte, que visa dar a conhecer novas manifestações culturais açorianas em espaços de referência na comunidade local da cidade de Fall River.

O Diretor Regional das Comunidades considerou ainda ser fundamental divulgar “o que de novo se produz nos Açores a nível cultural e artístico”, destacando a parceria com o Governo dos Açores num projeto que acontecerá junto de uma significativa comunidade de emigrantes açorianos e de açordescendentes dos Estados Unidos da América.

No âmbito desta deslocação aos EUA, Paulo Teves visitou a organização MAPS – Massachusetts Alliance of Portuguese Speakers, que desenvolve uma ação de apoio sociocultural a cerca 60 idosos, na sua grande maioria originários dos Açores, e que conta com o apoio do Governo Regional.

Paulo Teves destacou “o trabalho e papel fundamentais” que instituições como a MAPS realizam diariamente neste Estado norte-americano “no apoio à comunidade, em especial da terceira idade”.

O Diretor Regional deslocou-se também ao Institute for Portuguese and Lusophone World Studies, do Rhode Island College, um núcleo de interação em benefício dos alunos desta instituição de ensino e da comunidade lusófona de Rhode Island.

No encontro, que contou com a presença do Reitor da Faculdade de Artes e Ciências do Rhode Island College, defendeu a pertinência da manutenção e divulgação da língua e da cultura portuguesa junto da comunidade estudantil, bem como na concretização de projetos de intercâmbios académicos que contribuam para a aproximação da diáspora aos Açores.

No último dia desta deslocação, o Diretor Regional das Comunidades participou ainda nas comemorações do centenário do Clube Português Hudson, em Massachusetts, instituição fundada em 1919 que tem desenvolvido inúmeras iniciativas no âmbito da promoção e divulgação da cultura portuguesa, em especial as manifestações açorianas.

Na sessão, que contou com a presença da Congressista do Estados Unidos da América, Lori Loureiro Trahan, luso-americana com raízes nos Açores, Paulo Teves relevou a “importância de se manter esta instituição no seio da comunidade, com a participação dos jovens que têm o honrado o legado dos seus fundadores”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO