I Liga: Famalicão e Boavista partilham invencibilidade que não se via há 14 anos

0
20
DR
O Famalicão e o Boavista são os únicos clubes invictos na I Liga portuguesa de futebol após a sétima jornada, feitos que dois ‘pequenos’ não conseguiam em simultâneo há 14 anos, mais precisamente desde 2005/06.
Os famalicenses, vindos da II Liga, ganharam seis jogos e apenas empataram um, sendo líderes isolados da prova, com 19 pontos em 21 possíveis, enquanto os ‘axadrezados’ somam dois triunfos e cinco igualdades, sendo sextos, com 11 pontos.Para encontrar cenário semelhante, é preciso recuar a 2005/06, época em que, após sete jornadas, os invictos eram três, o Sporting de Braga, que liderava a competição, o Nacional, segundo classificado, e, uma vez mais, o Boavista, quarto.

Nessa temporada, como na atual, os três ‘grandes’ chegaram à sétima ronda já com desaires, sendo que, na presente, o Benfica só perdeu na receção ao FC Porto e os ‘dragões’ na deslocação ao reduto do Gil Vicente. O Sporting conta dois.

Em 2005/06, os ‘azuis e brancos’ eram terceiros, com um desaire, os ‘encarnados’ sextos, com dois, e os ‘leões’ sétimos, já com três. O FC Porto seria campeão, sete pontos à frente do Benfica, 12 do Sporting e 21 dos ‘arsenalistas’.

Nas últimas 14 épocas, foram quase sempre os ‘grandes’ que chegaram invictos à sétima ronda – oito vezes o Benfica, sete o FC Porto e cinco o Sporting -, sendo exceções o Sporting de Braga (2009/10 e 2018/19) e o Vitória de Setúbal (2007/08).

Desta vez, a invencibilidade é partilhada por duas formações, sendo que o percurso do Famalicão só conta uma igualdade, a um golo, no reduto do Vitória de Guimarães, à terceira jornada.

Os famalicenses, vindos da II Liga, ganharam seis jogos e apenas empataram um, sendo líderes isolados da prova, com 19 pontos em 21 possíveis, enquanto os ‘axadrezados’ somam dois triunfos e cinco igualdades, sendo sextos, com 11 pontos.

Para encontrar cenário semelhante, é preciso recuar a 2005/06, época em que, após sete jornadas, os invictos eram três, o Sporting de Braga, que liderava a competição, o Nacional, segundo classificado, e, uma vez mais, o Boavista, quarto.

Nessa temporada, como na atual, os três ‘grandes’ chegaram à sétima ronda já com desaires, sendo que, na presente, o Benfica só perdeu na receção ao FC Porto e os ‘dragões’ na deslocação ao reduto do Gil Vicente. O Sporting conta dois.

Em 2005/06, os ‘azuis e brancos’ eram terceiros, com um desaire, os ‘encarnados’ sextos, com dois, e os ‘leões’ sétimos, já com três. O FC Porto seria campeão, sete pontos à frente do Benfica, 12 do Sporting e 21 dos ‘arsenalistas’.

Nas últimas 14 épocas, foram quase sempre os ‘grandes’ que chegaram invictos à sétima ronda – oito vezes o Benfica, sete o FC Porto e cinco o Sporting -, sendo exceções o Sporting de Braga (2009/10 e 2018/19) e o Vitória de Setúbal (2007/08).

Desta vez, a invencibilidade é partilhada por duas formações, sendo que o percurso do Famalicão só conta uma igualdade, a um golo, no reduto do Vitória de Guimarães, à terceira jornada.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO