Ilha das Flores volta a ser penalizada nas ligações marítimas

0
23
DR

O Bloco de Esquerda manifesta a sua indignação por, mais uma vez, a illha das Flores ser penalizada nas ligações marítimas com as ilhas do Grupo Central e Grupo Oriental. Aquela que seria a primeira viagem de 2019, prevista para hoje, foi cancelada pela Atlânticoline. Assim, a primeira viagem será realizada apenas no dia 18 de Julho.

As sucessivas más políticas de organização e gestão do transporte marítimo prejudicam, mais uma vez, a acessibilidade à ilha das Flores, com consequências económicas significativas, uma vez que os períodos da Primavera e Verão coincidem com o aumento da procura por parte de turistas.

Não bastando o facto de serem poucas as oportunidades que os residentes e turistas têm de realizar uma viagem de ida e volta por via marítima à ilha das Flores, os cancelamentos recorrentes nesta operação acabam por afastar os potenciais interessados, pela insegurança que geram.

O Bloco de Esquerda não aceita que as restantes viagens da Atlânticoline que estão programadas para as Flores durante o verão venham a ser canceladas, e espera que a operação de 2020 seja devidamente planeada de modo a que o transporte marítimo nos Açores seja fiável.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO