Liga MEO – Flamengos perde em casa com o Rabo de Peixe

0
11

A II edição da Liga Meo Açores vai já na quinta jornada e este fim-de-semana colocou frente a frente o Flamengos e o Rabo de Peixe.

A equipa do Vale não foi feliz na sua prestação e perdeu o encontro por duas bolas a zero.

Nos restantes encontros desta jornada, o Barreiro recebeu o Guadalupe e saiu derrotado por um golo. O resultado final foi 3-2.

O Vale Formoso, foi derrotado em casa do Marítimo, por 2-1 e o Prainha recebeu e venceu por 3-1 o Boavista.

Na Terceira o encontro foi sem golos. O Ideal foi a casa do Lusitânia empatar por 0-0.

O grande destaque deste arranque da II edição a Liga Meo Açores vai para a ilha de São Miguel, uma vez que as equipas locais lideram a competição, ambas com os mesmo 13 pontos. O Rabo de Peixe é o primeiro e o Ideal é segundo.

A primeira equipa fora de São Miguel a aparecer na tabela classificativa é a equipa do Lusitânia, com oito pontos e ocupa a terceira posição. Em quarto na tabela surge o Vale Formoso. A equipa das Furnas desde cedo que prometia ser uma das boas surpresas da competição, e o certo é que não tem deixado os seus créditos por mãos alheias. O Vale Formoso soma sete pontos.

Na quinta posição surge o Barreiro da ilha Terceira, com seis pontos. O Prainha é o sexto classificado com quatro pontos, que partilha com o Boavista e o Marítimo, que são os sétimos e oitavos classificados, respectivamente.

 O Guadalupe é nono e soma três pontos. O Flamengos estreante na Liga Meo Açores, beneficiado pela desistência do Madalena para ascender à competição máxima do Futebol Açoriano é último e ocupa  a décima posição com três pontos conquistados, fruto de uma vitória na receção ao Guadalupe.

A próxima ronda realiza-se a 2 de novembro, e o jogo principal é sem dúvida o encontro entre os primeiros classificados. O Ideal vai a casa do Rabo de Peixe. Nas restantes partidas o Flamengos recebe o Praianha, o Vale Formoso, defronta o Lusitânia, o Boavista, recebe o Barreiro e o Marítimo visita o Guadalupe.

 

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO