Posicionamento estratégico da Horta em destaque no aniversário da cidade

0
12
blank

“É preciso fazer mais e fazer melhor a nível municipal, mas também na esfera governativa açoriana, sobretudo na procura constante de olhar o todo em matéria de desenvolvimento integral da ilha do Faial e do arquipélago”, afirmou Carlos Ferreira no dia em que a cidade da Horta celebrou 189 anos.
Na Sessão Solene, que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o Presidente da Câmara Municipal da Horta destacou a importância da defesa intransigente do concelho da Horta e dos seus interesses em matéria de acessibilidades, designadamente sobre o Aeroporto e Porto da Horta, mas também nas áreas da educação e saúde.
O autarca entende também que é tempo de aprofundar o posicionamento da ilha do Faial na próxima década tendo por base vetores estratégicos.
“É imperativo discutir e refletir sobre o posicionamento da cidade da Horta enquanto território competitivo e consciente da sua centralidade no aprofundamento do processo autonómico. É necessário pensar a cidade da Horta como expoente cultural e de território criativo e inovador, e ainda construir soluções para aumentar a qualidade de vida da população”, realçou.
No ano em que se celebra o 50o aniversário da geminação da Horta com New Bedford, proclamada Cidade-Irmã a 3 de maio de 1972, Carlos Ferreira evidenciou que “a tradição atlântica da cidade da Horta constituiu um marco fundamental na cooperação, consolidação, desenvolvimento e progresso do arquipélago, nos contextos económico, social e político”, acrescentando que, para assinalar publicamente esta efeméride, o Município pretende aprofundar as relações com a diáspora.
Na sessão solene comemorativa do 189o aniversário da elevação da Horta de Vila a Cidade foram ainda homenageadas dez personalidades e instituições que se distinguiram na ilha do Faial, com a atribuição da Medalha de Mérito Municipal Dourada, Medalha de Mérito Municipal Prateada e ainda três instituições com a Medalha de Honra do Município, pelos serviços realizados no âmbito da Covid-19. Os funcionários do Município com 20 e 30 anos de serviço foram ainda distinguidos com a Medalha de Bons Serviços Municipais Prateada e Dourada, respetivamente.

“Este Presidente de Câmara tem muito orgulho em ser faialense, e muito orgulho no trabalho das nossas associações, das nossas empresas, das instituições e de todos os cidadãos deste concelho e ilha, aqui simbolicamente representados pelos homenageados”, concluiu Carlos Ferreira, felicitando “a população e a Horta, a cidade mais ocidental da Europa. A maior das mais pequenas cidades europeias no Atlântico Norte”.