Presidente da Assembleia pede aos parceiros sociais diálogo e compromisso para resolução dos assuntos prementes da Região

0
31
DR/ALRAA
DR/ALRAA

O Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores (ALRAA), Luís
Garcia, pediu hoje aos parceiros sociais da Região que procurem entendimentos através do
diálogo e do compromisso, exortando-os a “exercerem essa competência na sua plenitude,
contribuindo de forma direta para a mitigação e recuperação dos efeitos nefastos da pandemia, bem como para uma boa aplicação dos fundos europeus que iremos receber no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência e dos próximo Quadro Financeiro Plurianual”.

Num discurso proferido esta manhã na cerimónia de abertura das novasinstalações do Conselho Económico e Social, em Ponta Delgada, o Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores deixou o alerta para os enormes desafios que a Região tem pela frente, considerando que os mesmos só podem ser ultrapassados através da disponibilidade, concertação e convergência dos agentes os políticos, sociais e económicos envolvidos, sublinhando que a “bem dos superiores interesses dos Açores” estamos todos “obrigados a dialogar e a trabalhar com todos”.

Enfatizando o seu pedido de união, diálogo e compromisso, o Presidente da ALRAA deixou
claro que é necessário “passar por cima das diferenças e chegar à fase seguinte, trabalhando em prol da convergência útil, característica diferenciadora das sociedades democráticas maduras”.

Na ocasião, o Presidente Luís Garcia aproveitou para deixar um reconhecimento público ao
Presidente do Conselho Económico e Social dos Açores (CESA), Gualter Furtado, pela
distinção que recebeu no final do mês de novembro, com a atribuição do Prémio Nacional de Carreira da Ordem dos Economistas, exortando-o a continuar a usar o seu conhecimento e experiência profissional na boa gestão do Conselho Económico e Social dos Açores, em prol dos Açores e dos açorianos.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO