PS/Faial lamenta “esquecimento ou má-fé” do candidato aos Flamengos

0
16

O Partido Socialista do Faial manifestou, esta terça-feira, ter sido “com admiração” que tomou conhecimento das declarações do recandidato à Junta de Freguesia dos Flamengos, ao acusar o atual Presidente da Câmara Municipal da Horta de falta de lealdade para com a freguesia, o que só pode representar “um ato de esquecimento ou de má-fé”.

Em causa está, sublinham os Socialistas, a falta de lealdade que o candidato da Coligação “Juntos Pelo Faial” deveria ter referido durante a apresentação da sua recandidatura, “devia dizer respeito a si próprio”, uma vez que, conforme adiantam, “não ter projetos para desenvolver em prol do desenvolvimento da freguesia e do bem-estar dos seus habitantes, é que faz sobressair a falta de lealdade do Poder Local”.

Para o PS/Faial vir a público acusar o Presidente da Câmara Municipal de “falta de lealdade”, pelo facto do seu projeto autárquico se referir, como objetivo político, ao projeto integrado para requalificação das Bicas, é “querer enganar os flamenguenses”.

Assim, e estranhando esta falsa acusação, o PS/Faial relembra que, quanto ao projeto de requalificação da Zona das Bicas, “o mesmo já foi apresentado à Junta de Freguesia, estando prevista, brevemente, a sua apresentação pública”.

E, acrescentam ainda os Socialistas do Faial, afirmar que a Junta apoiou em 8.500 euros a eletrificação do campo de futebol do F. C. Flamengos, “sem referir, no entanto, que foi a Autarquia que disponibilizou a verba, ao abrigo da delegação de competências”, confirma essa “má-fé” ou esse “conveniente esquecimento”

“Falta de lealdade é esconder o investimento no sintético do campo de futebol, que a Câmara Municipal assumiu, desde a primeira hora, estar disponível para iniciar de imediato, faltando, sim, apoio de outras entidades, mas nunca da autarquia”, reforça o PS/Faial, lembrando ainda que “tudo o que diz respeito à freguesia dos Flamengos foi sempre desenvolvido em consonância com esta Junta de Freguesia”.

Assim, e para o Partido Socialista do Faial, “é completamente descabido vir a público, em vésperas de eleições, acusar um autarca sério, honesto e responsável de falta de lealdade, quando na verdade os investimentos comprovam que o atual Presidente da autarquia sempre foi leal e conta com inúmero trabalho desenvolvido na freguesia dos Flamengos”, lamentando, nessa medida, “que se queira insistir nesta mentira”.

Projetos como a ampliação do edifício Polivalente dos Flamengos, a construção do memorial das Bicas, a criação do Centro Comunitário do Divino Espírito Santo dos Flamengos, a primeira Loja do Cidadão do Faial, o primeiro campo de futebol com piso sintético na ilha e o jardim publico da freguesia são apenas alguns exemplos das obras que viram em José Leonardo Silva o seu principal impulsionador.

“José Leonardo Silva desenvolveu nestes últimos anos um inúmero trabalho na freguesia dos Flamengos, do qual todos se devem orgulhar”, assegurou o PS/Faial, para questionar sobre qual o trabalho que o líder da coligação na ilha tem feito em prol da freguesia.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO