PSD Açores – Deputados do Faial solicitam números de 2017 à SATA

0
28
DR

DR

Carlos Ferreira e Luís Garcia, deputados do PSD/Açores eleitos pelo Círculo do Faial, apresentaram na passada semana, durante o Parlamento Açoriano um requerimento a solicitar toda a informação referente às rotas abrangidas por Obrigações de Serviço Público referentes ao ano 2017.
No documento, os deputados afirmam que “o decisivo das acessibilidades aéreas para o desenvolvimento da ilha do Faial e para a mobilidade e qualidade de vida da população, justificam um acompanhamento permanente por parte dos deputados signatários e uma análise constante da informação que contextualiza esta matéria”.
Neste sentido, os sociais democratas defendem no requerimento que é preciso considerar que esta “informação de gestão é crucial, quer para avaliar os resultados das opções tomadas, quer para a tomada de decisões futuras, numa perspetiva de consciência da relevância da matéria para a promoção do desenvolvimento territorial”.
Para os deputados, olhando para a resposta ao requerimento de 2017, sobre os dados do triénio 2014-2016, que foram “parcialmente” fornecidos, “mostra-se necessário recolher informação das rotas operadas pela Azores Airlines abrangidas pelas Obrigações de Serviço Público, respeitante ao ano de 2017”, lê-se.
Por estas razões, Ferreira e Garcia, solicitam o número, por mês e por rota, de voos, do total de passageiros transportados, do total de lugares oferecidos, da taxa de ocupação, do valor da tarifa média, de cancelamentos, de divergências, da tonelagem de carga transportada e de correio transportado.
Adicionalmente, solicitam “para o ano de 2017 e por mês, apenas na rota direta Horta-Lisboa, a tonelagem de carga que, por limitação da capacidade da aeronave, não pôde seguir em voo direto para Lisboa e teve que ser transportada para o continente português através de outra gateway”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO