SIBS abre novo polo em Castelo Branco e cria mais 200 postos de trabalho

0
11
DR
A SIBS, empresa de serviços financeiros, inaugurou hoje o seu segundo polo em Castelo Branco, onde vai criar mais 200 postos de trabalho, numa parceria com o município local, que investiu no novo edifício 1,3 milhões de euros.O novo polo, que durante os próximos meses irá receber 200 novos colaboradores, reforça o investimento que a empresa tem feito em Castelo Branco, onde está presente desde 2012 e, sobretudo, na unidade de ‘Business Process Outsourcing’ (BPO) ali instalada.

“Hoje é um dia importante para Castelo Branco. Diria mesmo que é muito importante e que representa a criação de 200 novos postos de trabalho”, afirmou o presidente da Câmara de Castelo Branco, Luís Correia.

O autarca, que falava durante a cerimónia de inauguração do novo espaço da SIBS, construído e disponibilizado pelo município à empresa, explicou que a estratégia definida e seguida pela autarquia não se limita a apostar apenas numa área.

“Apostamos numa estratégia de políticas integradas que se ligam entre si, em várias áreas, como a economia, a educação, a cultura, o turismo, entre outras”, frisou.

Luís Correia disse que nos últimos seis anos foram criados 900 postos de trabalho em Castelo Branco, através do investimento direto do município e adiantou que o ‘cluster’ automóvel presente na cidade representa outros tantos postos de trabalho.

Adiantou ainda que a criação destes novos postos de trabalho, por parte da SIBS, representa muito mais do que isso: “São 200 pessoas que se fixam em Castelo Branco, são mais competências e representa também mais dinâmica económica”.

Já o administrador executivo da SIBS, João Luís Baptista, realçou o trabalho feito pelo município ao nível da criação de condições para a domiciliação de empresas na região, ajudando empresas como a SIBS a eleger Castelo Branco como local ideal para descentralizar a sua atividade e serviços prestados, criando assim externalidades positivas para o próprio concelho.

“Castelo Branco é uma localidade com uma população jovem, ativa e com excelente capacidade profissional que tem ajudado a SIBS a fazer crescer o seu negócio na região. Estamos certos que o investimento nestas novas instalações demonstra o reforço da aposta da SIBS na região, garantindo a empresa níveis adequados de resiliência operacional mediante a localização do seu negócio em diferentes áreas geográficas, seguindo assim as melhores práticas de mercado”, afirmou.

Com mais de três décadas de existência, a SIBS disponibiliza serviços financeiros, designadamente na área dos pagamentos, a mais de 300 milhões de utilizadores, em várias geografias, processando anualmente mais de três mil milhões de transações.

Para além de ser um dos principais processadores de pagamentos na Europa, a SIBS é uma referência nacional em ‘Business Process Outsourcing’ e líder na Península Ibérica na produção e personalização de cartões.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO