Sintap pede à VPGRA a abertura do processo negocial com vista à valorização profissional dos trabalhadores da RIAC

0
15
DR
DR

SINTAP pede à VPGRA a abertura do processo negocial com vista à valorização profissional dos trabalhadores da RIAC por via da atribuição de um suplemento remuneratório à semelhança do adotado nos matadores.

Como é do conhecimento público, de há muito que o SINTAP tem apoiado as legítimas expetativas e reivindicações dos trabalhadores da RIAC no sentido de lhes ser reconhecida a complexidade, responsabilidade e abrangência das funções que exercem no âmbito dos relevantes serviços públicos prestados aos cidadãos em geral pela RIAC, nomeadamente através da valorização profissional e remuneratória da respetiva carreira.

Oportunamente, em reunião havida com a VPGRA, foi-nos comunicado o desconforto da tutela em avançar aqui com a criação de uma carreira especial para este pessoal pelo precedente que se criaria relativamente à carreira de regime geral de assistente técnico da qual aqueles fazem parte.

Contudo, e por reconhecer que as funções exercidas por estes trabalhadores são efetivamente específicas e absorventes, a VPGRA assumiu o compromisso de não obstaculizar e permitir a saída daqueles profissionais que, esgotados ou frustrados nas suas funções, viessem a solicitar a sua mobilidade para outros serviços.

Por consequência disto, muitos dos trabalhadores mais antigos da RIAC pediram a sua mobilidade, resultando daqui uma inevitável migração e perda de recursos humanos já devidamente formados e qualificados, substituídos em parte com o recurso a novas admissões e a trabalhadores dos programas ocupacionais.

Assim, porque estamos perante um serviço público que constitui uma aposta do Governo Regional, bem sucedida no garante da proximidade, oportunidade e rapidez das respostas da Administração Pública Regional às necessidades e solicitações dos cidadãos, e na medida em que as funções desempenhadas por estes profissionais são suficientemente abrangentes, complexas e responsabilizantes, isto é, específicas, o SINTAP, em nome e representação do sentir destes profissionais, entende manter-se a razão e justiça de continuar a reivindicar a atenção do Governo para a necessidade de se reconhecer e proceder a uma valorização das funções por eles exercidas no âmbito da RIAC.

Por a solução legislativa adotada recentemente pelo Governo Regional de criar um suplemento remuneratório para os trabalhadores dos matadores da Região constituir uma forma legal e aceitável de valorização das funções exercidas, o SINTAP solicitou à VPGRA a abertura do processo negocial tendente a aquilatar da disponibilidade e interesse da VPGRA em proceder por esta via a uma justa valorização profissional e remuneratória destes trabalhadores.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO