Sofia Ribeiro garante novo ginásio para a Escola Básica e Secundária de Santa Maria

0
33
DR
DR

A Secretária Regional da Educação garantiu que a Escola Básica e Secundária de Santa Maria terá um novo pavilhão desportivo. O anúncio foi feito, esta sexta-feira, 19 de março, no âmbito de uma visita à ilha de Santa Maria.

Sofia Ribeiro explicou que “já está inscrita na proposta de Orçamento do Governo Regional” a dotação para “arrancar, ainda este ano, com as obras no ginásio”.

“Tudo dependerá da aprovação na Assembleia Legislativa Regional do Plano e Orçamento”, frisou.

“Não obstante, e para que as obras arranquem com a maior celeridade possível, estão já a ser encetados os procedimentos necessários à contratualização da respetiva empreitada”, disse ainda a governante.

A titular da pasta da Educação avançou ainda que, com o concurso internacional lançado de distribuição de quatro mil computadores portáteis e mil tablets por todas as escolas da Região, só a Escola de Santa Maria receberá mais de 100 equipamentos.

De acordo com a governante, no lançamento desse concurso, “foi tida em consideração, não apenas uma proporcionalidade atendendo ao universo dos alunos, mas também um número fixo mínimo para todas as unidades orgânicas, para que as escolas com menor dimensão não fiquem prejudicadas e tenham apenas um número residual de equipamentos”.

Sofia Ribeiro explicou que, “para as unidades orgânicas que possuam o primeiro ciclo do ensino básico, haverá um mínimo de 15 tablets e, para todas as 40 unidades orgânicas, um mínimo de 20 computadores portáteis”.

Está visita à ilha de Santa Maria, explicou a Secretária Regional, “insere-se numa lógica de proximidade que este executivo está a imprimir, neste caso em concreto, na área da Educação, com a comunidade educativa”.

A Secretária Regional, fez-se acompanhar pela Diretora Regional da Administração Educativa, e teve reuniões com o Conselho Executivo, com os representantes dos alunos, da associação de pais, do conselho pedagógico, da assembleia de escola, com o pessoal não docente e também com a Câmara Municipal de Vila do Porto, atendendo a que é responsável pelas infraestruturas nas escolas do primeiro ciclo do Ensino Básico.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO