Unisénior anuncia interrupção do atual modelo orgânico de funcionamento – Após 12 anos, Universidade Sénior reinventa-se para dar resposta às novas realidades

0
26

Num comunicado enviado aos alunos e entidades a Unisénior do Faial anunciou a intenção de interromper o seu funcionamento no modelo orgânico e pedagógico que vinha a praticar há 12 anos.
O Grupo de Coordenação da Unisénior aponta a falta de instalações, a “assiduidade irregular” e o “baixo nível de participação” dos alunos, que agora alegam “falta de tempo”, resultante da sua vida atual, como as razões principais para esta decisão.
Tribuna das Ilhas esteve à conversa com as responsáveis pela UniSénior, Fernanda Trancoso, Isabel Naia e Lourdes Lima, que nos garantiram que a Universidade não irá deixar de funcionar, mas sim “reinventar-se” de forma a dar resposta às realidades dos seus alunos, através da promoção de atividades pontuais.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO