Vocalista dos Linda Martini André Henriques estreia-se a solo em 2020

0
31
DR
O vocalista e guitarrista dos Linda Martini, André Henriques, vai estrear-se a solo em 2020, com um álbum cujo tema de apresentação deverá ser divulgado ainda este ano.O álbum, ainda sem título definido, será editado nos primeiros três meses de 2020, de acordo com a promotora Arruada.

“Neste primeiro disco a solo André estende a sua identidade, partindo sempre do texto para criar um universo musical muito próprio recheado de histórias que nos prendem até à última sílaba”, lê-se no comunicado hoje divulgado.

Nesta estreia a solo, André Henriques está acompanhado por Ivo Costa (um dos elementos dos Bateu Matou e que habitualmente acompanha Carminho e Sara Tavares) na percussão, Pedro Ferreira (dos Quelle Dead Gazelle) na guitarra e o Ricardo Dias Gomes (da banda Cê que acompanha Caetano Veloso) no baixo e sintetizadores. O músico brasileiro é também o produtor do disco.

A Arruada sublinha que André Henriques “tem-se destacado pelo cuidado na escrita de canções, pela forma como subverte os alicerces da música pop, o seu constante namoro com o fado e a canção portuguesa e pelas suas letras emotivas e contundentes que encontraram eco numa geração que se apaixonou novamente pela música portuguesa”.

Além dos Linda Martini, André Henriques tem-se dedicado também à escrita de canções para outros intérpretes, nomeadamente Cristina Branco.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO