20 de maio – Dia Mundial da Abelha

0
47
blank

IRIS- Associação Nacional de Ambiente

“Se as abelhas desaparecerem da face da Terra, a humanidade terá apenas mais quatro anos de existência. Sem abelhas não há polinização, não há reprodução da flora, sem flora não há animais, sem animais, não haverá raça humana.” Albert Einstein

O Dia Mundial da Abelha, que se celebra a 20 de maio, foi proclamado pela Resolução 72/211 adotada na Assembleia Geral da ONU de 20 de dezembro de 2017.

Com a escolha do dia a ONU presta uma homenagem a Anton Janša (20 de maio de 1734 – 13 de setembro de 1773), apicultor, entomologista, zoólogo e pintor esloveno, pioneiros das modernas técnicas de apicultura.

No dia 20 de maio de cada ano, para além de ser dado destaque à importância dos seres
polinizadores para a conservação da biodiversidade dos ecossistemas procura-se sensibilizar-nos para as ameaças que as abelhas enfrentam.

Entre as principais ameaças às abelhas e restantes polinizadores destacamos a degradação dos habitats naturais, a agricultura intensiva, o uso de pesticidas e herbicidas, e a introdução de espécies invasoras que só podem ser eficazmente combatidas através da implementação de políticas públicas aos mais diversos níveis.

Neste Dia Mundial da Abelha o Núcleo dos Açores da IRIS- Associação Nacional de Ambiente apela, a todos os açorianos, para agirem de modo a contribuírem para a

construção de uma Terra melhor para todos os seus habitantes, salvando as abelhas através das seguintes práticas:

– Partilha de informação sobre a importância dos polinizadores e as suas principais ameaças;
– Aquisição de mel a produtores locais;
– Não utilização de pesticidas, herbicidas e outros produtos nocivos, nos seus jardins e quintais;
– Plantação de espécies nativas que floresçam em diferentes épocas do ano ou de outras espécies melíferas.