2020 ONLINE #azoresfringefestival

0
23
DR

O programa Fringe com artistas oriundos do exterior da região, assim como projetos que necessitavam de se mobilizar inter-ilhas, foi cancelado. Mas, o Fringe continua… ONLINE.

A oitava edição do Azores Fringe Festival, planeado para 29 de Maio a 28 de Junho 2020, teve uma remodelação drástica. “Desde a última edição começamos a construir o ano 2020, no qual tínhamos mais de 200 projetos em andamento, desde artistas açorianos a estrangeiros que estavam planeando visitar-nos” explica Terry Costa, o fundador do Azores Fringe Festival, que faz parte do movimento internacional de cerca de 300 festivais Fringe, o World Fringe. “Quando a pandemia chegou e as restrições foram implementadas, a última coisa que queríamos fazer era cancelar por completo. Assim, tivemos que começar de novo e elaborar novo programa durante o último mês, e conseguimos, finalmente, apresentar um programa que tem presença online de mais de 100 artistas das 9 ilhas dos Açores e cerca de 40 do exterior, mas ainda muitos mais em sessões especiais, onde a partilha e mostra de trabalho é o objetivo.”

 

Algumas ideias propostas por artistas continuaram a ser desenvolvidas e vão ser apresentadas em dois formatos: programação diretamente online, seja ao vivo ou gravado, e programação com apenas artistas, sem público ao vivo, a acontecer na MiratecArts Galeria Costa que, ao mesmo tempo, será transmitida via  www.facebook.com/miratecarts, aderindo ao distanciamento físico e, assim, não incentivando o ajuntamento de grupos.

 

A programação diária inclui destaque a um artista açoriano que faz parte do álbum de vendas de arte açoriana. A programação semanal inclui o programa “Dá-lhe Corda” às segundas, Conversas com Escritores às terças, Contos com a palhaça Luna às quintas, e visitas regulares aos ateliers, oficinas, escritórios e locais de trabalho de artistas. Muita música será apresentada todos os sábados, que além da partilha de vídeos do programa “Hoje Açores Today” também inclui conversas na rádio AlternativAzores, que serão partilhadas através das plataformas do facebook do Azores Fringe Festival, e ainda concertos inéditos em direto de artistas açorianos: Sara Cruz, João da Ilha, Rafael Carvalho e o pianista João Bernardo.

 

“Programação original, produzida em parceria com MiratecArts, ou construída especificamente para o Fringe serão apresentadas ao vivo através das páginas do facebook da MiratecArts e do Azores Fringe Festival, que abrangem mais de 20 mil seguidores” avança Terry Costa. “Enquanto programação de mostra, incluindo sessões dedicadas aos colaboradores www.discoverazores.eu, onde se vai partilhar o que os artistas andam a fazer online, serão publicadas exclusivamente através da página do facebook: Azores Fringe Festival.”

 

Vai ser um Fringe diferente! Mas vai ser uma das maiores partilhas de sempre – uma explosão artística dos Açores para o mundo. Para mais detalhes, incluindo a revista com programa visite www.azoresfringe.com e vamos ao Fringe 2020 ONLINE #azoresfringefestival – junte-se já nas páginas e participe.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO