Açores apoiam mais de meia centena de atletas de alta competição

0
16

Os Açores estão a apoiar em 2020, ao nível do Desporto de Alto Rendimento e de Jovens Talentos Regionais, 52 atletas, num investimento global anual que se estima superior a 300 mil euros.

Este apoio do Governo dos Açores, que foi apreciado esta semana, na reunião do Conselho Açoriano para o Desporto de Alto Rendimento (CADAR), reforça o trabalho desenvolvido em 2019 na área do desporto, cujo investimento rondou também os 300 mil euros.

Nesta reunião, que decorreu por videoconferência, os membros do CADAR, órgão consultivo da administração regional autónoma em matéria de alto rendimento, ratificou a concessão de apoios às candidaturas de sete atletas, nas modalidades de Atletismo, Golfe, Judo, Natação e Ténis de Campo, a Jovens Talentos Regionais.

Os conselheiros ratificaram igualmente a concessão de apoio às candidaturas de oito praticantes desportivos de alto rendimento, sendo três na modalidades de Atletismo, um em Ginástica Aeróbica, dois em Judo, um em Motonáutica e outro na modalidade de Vela.

O Conselho decidiu também reconhecer a condição de ‘Atleta de Alto Rendimento Formado nos Açores’ a um atleta da modalidade de Atletismo Adaptado, elevando para três o número de atletas de alto rendimento no atletismo adaptado com apoio do Governo dos Açores.

O CADAR decidiu ainda, por unanimidade, introduzir uma alteração aos critérios em vigor para definição de Jovem Talento Regional, a vigorar para todas as modalidades.

Atualmente, estão qualificados 44 atletas como Jovens Talentos Regionais e oito atletas de Alto Rendimento, envolvendo no total nove modalidades.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO