Açorprojecto há 30 anos a investir localmente através do alojamento turístico

0
80
blank

O Açorprojecto nasceu em 1991. É uma parceria entre os arquitetos Paulo Oliveira e António Martins Naia, naturais do Faial, que, depois de se formarem, regressaram à sua terra, com a intenção de investir nela. O Tribuna das Ilhas foi conhecer, junto dos arquitetos, o percurso desta colaboração.

Em 1994 nasceu o Apartamentos Turísticos VerdeMar, o grande projeto da parceria entre Paulo Oliveira e Martins Naia, que surgiu para dar resposta à necessidade dos clientes que viajavam em família, não só emigrantes da América e Canadá, mas também de outras partes do mundo, refere o arq. Martins Naia. Os sócios assim perceberam que havia uma grande clientela que preferia este tipo de estabelecimento hoteleiro, pois o aluguer de quartos era insuficiente para as suas necessidades. Os arquitetos realçam como, na altura, foram pioneiros neste tipo de estabelecimento hoteleiro. Atualmente, o projeto engloba 16 apartamentos, que perfazem um total de 70 camas: 6 hospedagens (26 camas) e 10 apartamentos de 4 estrelas (44 camas). E é neste projeto que os arquitetos vivem o seu dia-a-dia. O arq. Martins Naia constata que os empresários têm de estar “permanentemente atentos” aos problemas dos clientes e sempre prontos para dar respostas concretas à vida das pessoas. Neste sentido, apostam numa cultura de empresa, em que o cliente é bem tratado e a sua satisfação é o objetivo principal.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura