Alagoa assinalou 50 anos

0
31
blank

Ainda que tenha passado de mini-jornal a boletim informativo, o Alagoa fez 50 anos. A edição especial, lançada em finais de 2021, recorda a história de uma publicação que dava voz aos habitantes da Conceição.

Nem Estado Novo nem censura tiravam espaço à liberdade de opinião inscrita nas páginas do Alagoa. A primeira edição deste mini-jornal viu a luz do dia a 8 de maio de 1971.
A ideia partiu de Tomás Manuel Rocha, empregado na Delegação de Trabalho, que convenceu dois colegas a fundarem a publicação: Mário Vargas, que viria a ser o primeiro diretor, e João Luís, primeiro editor.

Ultrapassadas as renitências de Vargas, que escrevia para jornais locais, e encontrada recetividade junto do presidente do Centro de Recreio Popular da Conceição (CRPC), que era João Luís, estavam reunidas as condições e canalizadas as vontades.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura