Atlânticoline lança concurso público internacional de fretamento

0
9

A Atlânticoline lançou esta semana o concurso público internacional para o fretamento de dois navios para as operações sazonais de 2013 e 2014, com opção de prorrogação por mais um ano.

De acordo com nota enviada às redacções, a transportadora marítima exige às embarcações que se apresentem a concurso uma velocidade mínima de 19 e 28 nós e uma lotação mínima de 600 passageiros e 120 viaturas.

É ainda requisito obrigatório que os navios possuam rampa de popa adequada aos portos da Região. De acordo com a Atlânticoline, esta obrigação visa “tirar partido não só das rampas Ro-Ro existentes, bem como daquelas que neste momento se encontram em fase final de construção, nos diferentes portos açorianos”, maximizando assim o tipo de viaturas a embarcar e a rapidez do processo de embarque. 

O fretamento dos dois navios deverá custar, no máximo, 16.400 mil euros. Para o navio que irá operar por um período de tempo mais longo, o preço máximo fixado para os três anos é de 8.800 mil euros. Para o navio que irá operar por um período de tempo mais reduzido, o preço máximo é 7.600 mil euros. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO