Autárquicas 2013 – PS quer CMH com componente social forte

0
10

 

Foi acompanhado pelo presidente do PS/Açores, que José Leonardo Silva apresentou algumas das suas linhas orientadoras relacionadas com a área social.

O candidato socialista à presidência da autarquia faialense referiu que “os momentos que atravessamos são difíceis pelo que é preciso uma Câmara que tenha uma componente social forte. É isso que queremos para o futuro. Queremos desenvolver projetos como os “Novos Desafios” que complementa a formação das pessoas; projetos de combate à toxicodependência, bem como o “Faial Solidário”, uma vez que não queremos que ninguém passe dificuldades no Faial”.

“Queremos um projeto inclusivo, sem deixar ninguém para trás. Queremos ter uma rede de edifícios de apoio social no Faial, com os polivalentes de Pedro Miguel e da Feteira” – afirmou ainda José Leonardo Silva.

Sobre as acusações da suposta submissão da CMH ao Governo Regional, José Leonardo afirmou que “serei submisso ao Faial, ao Faial e ao Faial. Sou uma pessoa de compromisso e leal”.

Vasco Cordeiro salientou o “bom  trabalho” que o PS tem desenvolvido à frente da CMH nos últimos 24 anos, e referiu-se à equipa liderada por José Leonardo, como uma equipa com “ambição e novos projetos para a cidade da Horta e a que melhores condições apresenta para liderar o concelho nesta fase decisiva da nossa vivência colectiva”. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO