AUTORIDADE DE SAÚDE REGIONAL – Detetados mais 25 novos casos na região

0
34

Nas últimas 24 horas foram diagnosticados nos Açores 25 novos casos positivos de COVID-19, sendo um nas Flores e 24 em São Miguel, resultantes de 3.857 análises realizadas nos laboratórios de referência da Região. Dois destes novos casos referem-se a passageiros com testes positivos ao 6.º dia e à chegada ao arquipélago.

Nas Flores o caso positivo foi diagnosticado em Santa Cruz, referente a um viajante, não residente, com análise positiva ao 6.º dia.

Em São Miguel, há um caso referente a passageiro, residente, com teste positivo à chegada. Os restantes são em contexto de transmissão comunitária. Assim, o concelho da Ribeira Grande regista cinco casos (três em Rabo de Peixe, um na Ribeirinha e um na Ribeira Seca). No concelho de Ponta Delgada há 19 novos casos (oito no Pilar da Bretanha, quatro em São Roque, dois em São Pedro, dois em São José, dois na Fajã de Baixo e um nos Arrifes).

Também nas últimas 24 horas foi registado um total de 18 recuperações (ver quadro anexo), e à data de hoje estão internados 13 doentes, todos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, com três destes em UCI.

O arquipélago conta presentemente com 267 casos positivos ativos, sendo 265 em São Miguel, um nas Flores e um no Faial. Não há cadeias de transmissão local ativas, sendo que foram extintas 203 até ao presente. Em vigilância ativa estão hoje 1.485 pessoas.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 5.767 casos positivos de Covid-19, tendo recuperado da doença 5.337 pessoas. Faleceram 33, saíram do arquipélago 79 e 51 apresentaram prova de cura anterior. Até ao presente realizaram-se no arquipélago 527.093 análises para despiste do vírus SARS-CoV-2, que causa doença Covid-19. Desde 31 de dezembro de 2020 e até 04 de junho corrente, foram administradas nos Açores 146.999 doses de vacina contra a COVID-19, correspondentes a 92.036 pessoas com 16 ou mais anos com a primeira dose, e 54.963 pessoas com ambas as doses, no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO